Oração de policial livra criança da morte durante ataque cardíaco

Vendo seu filho com a aparência azul diante de um ataque, Jacquelynne pediu ajuda a um policial. O homem, que é cristão, aproveitou a oportunidade para orar pela criança.

fonte: Guiame, com informações do Christian Today

Atualizado: Terça-feira, 4 Outubro de 2016 as 12:52

Jacquelynne está convencida de que a oração feita pelo policial salvou a vida de seu filho. (Foto: Reprodução/Facebook).
Jacquelynne está convencida de que a oração feita pelo policial salvou a vida de seu filho. (Foto: Reprodução/Facebook).

A oração de um agente da polícia ajudou a salvar a vida de uma criança que sofria de uma grave doença cardíaca. O site americano Daily Mail relatou como a mãe, Jacquelynne Olmedo, correu para o Hospital Infantil do Texas, na semana passada, depois que seu filho de dois anos ficou azul. A criança tinha sido diagnosticada com uma doença cardíaca congênita.

Durante sua ida para o centro médico, Jacquelynne viu Manuel Edwards, um oficial da polícia, e parou para pedir ajuda. O policial, em seguida, usou o rádio para chamar reforços.

Mas, não foi o reforço policial chamado por Edwards que ajudou a salvar a criança. Vendo a gravidade do momento, ele pediu a Jacquelynne para orar pela vida do garoto.

"Ele chamou por ajuda e fez algo que eu não estava esperando. Ele agarrou minhas mãos e começou a orar. Ele disse: 'Acredite e confie que isso vai passar e que Deus está com ele e também está conosco agora'", recordou a mãe.

"Ele então voltou para o carro e nos levou em segurança da rodovia até a ambulância que havia chegado lá", acrescentou.

Alguns minutos depois que Jacquelynne e Edwards oraram juntos, Michael [a criança] começou a se mover “como se nada tivesse acontecido”, segundo o relatório policial.

Jacquelynne está convencida de que a oração feita pelo policial salvou a vida de seu filho. "Eu acho que, naquele momento, ele realmente fez algo muito importante: orou pelo meu filho", disse ela.

Edwards, por sua vez, disse que pediu a Jacquelynne para orar com ela durante o momento, principalmente para acalmá-la. Ele também compartilhou que perdeu sua própria neta há apenas um ano.

O policial chegou a visitar Michael em seu quarto de hospital que estava repleto de balões para animar o menino que agora está se recuperando do susto.

veja também