Pastor constrói barracas para moradores de rua com dízimos e ofertas em SP

O bairro de Belém (SP) possui cerca de 700 desabrigados. Através do projeto social, além de doar alimentos e roupas, Roberto e os voluntários constroem pequenas barracas que tem capacidade para duas pessoas.

fonte: Guiame, com informações do Gospel Prime

Atualizado: Segunda-feira, 25 Julho de 2016 as 4:08

Cada barraca, feita de madeira e revestida de plástico, custa cerca de R$40. (Foto: Reprodução).
Cada barraca, feita de madeira e revestida de plástico, custa cerca de R$40. (Foto: Reprodução).

Em São Paulo, uma igreja tem realizado um projeto que chamou atenção até mesmo da mídia internacional. De acordo com o site “Noticia Cristiana”, o pastor Renato José Barbosa lidera uma iniciativa chamada de “Jesus Vem Semeando a Palavra”. Por meio disso, sua igreja tem ajudado os moradores de rua.

Renato tem 15 anos de ministério, trabalhando em colaboração com missões urbanas há 12 anos. Formado e pós-graduado em teologia, o líder também possui um diploma em tecnologia elétrica, sendo proprietário de uma empresa nesta área.

O bairro de Belém (SP) possui cerca de 700 desabrigados. Através do projeto social, além de doar alimentos e roupas, Roberto e os voluntários constroem pequenas barracas que tem capacidade para duas pessoas.

No Brasil, a TV está repleta de programas religiosos que pregam o acúmulo de bens. Mas, em contrapartida desse cenário, a mensagem pregada pelo líder é a prioridade de investimento nas vidas dos menos favorecidos. As barracas, roupas e alimentos são financiados com o dízimo e ofertas de sua igreja.

"A presença pública da igreja deve responder à necessidade", explica o pastor, observando que esta é uma prerrogativa bíblica. Tal atitude acontece independente da crença religiosa do que receberá a ajuda, ou qualquer um dos sem-teto.

Para Renato, existe um "abandono" dos desabrigados pelo governo. Neste caso, a igreja precisa entrar em ação e tem a obrigação de investigar isso. "Os dízimos e ofertas da igreja são para investir nas pessoas", explica.

Além desse projeto, a igreja contribui para a realização de evangelismos em regiões desfavorecidas, como no interior do Maranhão. Desde 2010, quando um terremoto abalou o Haiti, eles fazem viagens todo ano até o país, onde possuem parceria com uma organização evangélica que mantém um orfanato. Também fazem viagens missionárias para a Índia.

Cada barraca, feita de madeira e revestida de plástico, custa cerca de R$ 40. Além dos dízimos e ofertas da igreja, o projeto aceita doações de fora. Para isso, os interessados podem enviar um e-mail para [email protected], ou ligar para o número: (11) 9653.6581.

veja também