Pastor critica campanha que pede por 'Elsa Lésbica': "Querem influenciar nossas crianças"

Segundo o pastor Franklin Graham, esta campanha é um dos resultados de um cultura "moralmente falida", que impera atualmente nos Estados Unidos.

fonte: Guiame, com informações do Gospel Herald

Atualizado: Quarta-feira, 11 Maio de 2016 as 1:01

Usuários das mídias sociais geraram polêmica ao lançar uma campanha recentemente, pedindo que na sequência do sucesso 'Frozen', a personagem principal, princesa Elsa ganhe uma namorada. (Imagem: Social News Daily)
Usuários das mídias sociais geraram polêmica ao lançar uma campanha recentemente, pedindo que na sequência do sucesso 'Frozen', a personagem principal, princesa Elsa ganhe uma namorada. (Imagem: Social News Daily)

O proeminente evangelista Franklin Graham acusou a comunidade LGBT de tentar transmitir uma mensagem "moralmente falida" às crianças e influenciar as suas vidas, enquanto os "Estados Unidos se afundam cada vez mais no secularismo".

O pastor e líder da Associação Evangelística Billy Graham compartilhou em sua página oficial do Facebook, na última segunda-feira (9), suas opiniões, aproveitando a repercussão de dois casos como gancho: a que a ativista transgênero Caitlyn Jenner irá posar nua para a revista 'Sports Illustrated' e a "campanha" feita por internautas, para que a personagem de desenho animado Elsa ("Frozen") ganhe uma namorada na continuação do sucesso de bilheteria.

"O que acontece quando você remove os padrões bíblicos da liderança de um país? A falência moral", escreveu. "Enquanto nossa cultura abandona a sua fundação e os valores judaico-cristãos, uma vez acarinhados, tradições piedosas desaparecem e nós afundamos ainda mais secularismo."

Citando a sequência de notícias recentes, o líder cristão afirmou que elas são apenas um retrato de "falência moral dos Estados Unidos".

"Todos os dias, manchetes revelam o triste estado em que estamos. A CBS News informou que Caitlyn Jenner vai posar nua para a capa da Sports Illustrated, envolta apenas em sua medalha de ouro olímpica e uma bandeira americana", relatou.

"E, como se isso não for suficiente, nossos desenhos animados também não estão imunes! O sucesso "Frozen" - desenho animado de de maior bilheteria de todos os tempos, agora tem alguns adeptos que pedem que a heroína Elsa tenha uma namorada lésbica na sequência do filme", continuou.

O pastor apontou ambas as manchetes como uma revelação da Agenda LGBT e sobretudo a segunda notícia, como uma prova de que o movimento tem marcado especificamente as crianças como alvo, para influenciar suas vidas.

"Na campanha de mídia social, um proponente postou: 'As crianças pequenas precisam aprender que não há nada de errado em ser gay'. Que mentira! Isso revela a sua agenda para passar a mensagem LGBT para crianças e influenciar as suas vidas. Deus chama o Seu povo para ser sal e luz em um mundo escuro. Ore pela nossa nação e se mantenha firme na verdade de Deus e Sua justiça", alertou.

"Jesus disse: 'Vós sois o sal da terra; mas se o sal perde o sabor, com que se há de salgar? Sendo assim, não é bom para nada, senão para ser lançado fora e pisado pelos homens'. Você é a luz do mundo", continuou o pastor.

 

veja também