Pastor relata forte avivamento em Bogotá: "Existe um preço a se pagar"

Para que o avivamento tomasse conta de sua igreja, o pastor Ricardo Rodríguez se lançou eu uma amizade mais profunda com Deus, estreitando seu relacionamento por meio da oração, louvor e leitura da palavra.

fonte: Guiame, com informações de Charisma News

Atualizado: Segunda-feira, 18 Julho de 2016 as 1:33

Ricardo diz que o Espírito Santo vem de forma livre, mas precisamos entregar nossas primícias. (Foto: Reprodução).
Ricardo diz que o Espírito Santo vem de forma livre, mas precisamos entregar nossas primícias. (Foto: Reprodução).

Qual é o preço do avivamento? Que preço Martin Luther teve de pagar, por exemplo? Ao estudarmos a história de grandes evangelistas, sabemos que poderosos avivamentos aconteceram pelo mundo. Mas, será que sabemos o custo disso tudo? Talvez só vamos saber se pagarmos esse preço.

Os pastores Ricardo e Patricia Rodríguez, que lideram a "Central Mundial de Avivamento" em Bogotá, Colômbia, pagaram o preço para ver sua igreja mudar de um pequeno local de visitantes para uma verdadeira morada do Senhor, que atrai 40 mil cristãos famintos por Jesus, todo domingo.

Ricardo diz que o Espírito Santo vem de forma livre, mas para manter um lugar de habitação em Deus, você tem que dar a Ele suas primícias. Isso se traduz em grande parte sobre o tempo que você dispõe para Deus. John Wesley, uma figura chave que encabeçou o primeiro grande avivamento na América, levantava todas as manhãs às 4 horas para buscar a Deus durante as primeiras quatro horas de seu dia. Ele era conhecido por gastar até oito horas por dia em oração.

"Ricardo pagou um grande preço", disse Patricia. "Ele se nega em tudo e dá o primeiro lugar ao Senhor. Ele passa horas por dia na presença de Deus, orando, lendo, cantando, gritando, pulando e sempre alegre. Se por algum motivo ele não tem tanto tempo para passar com o Senhor como ele gostaria, ele fica triste. Há uma relação tão próxima, uma verdadeira amizade com o Senhor", relata.

"Eu converso com alguns dos grandes líderes pelo mundo, como Dutch Sheets, fundador do “Movimento do Céu” e como Bill Johnson, pastor sênior da "Bethel Church". Eles sempre me dizem para perseverar no avivamento pessoal, que é identificado como uma amizade verdadeira com Deus, a tal ponto que os pensamentos de Deus se tornam os meus pensamentos", pontuou.

"Muitas pessoas penduram quadros em suas paredes que dizem: "O Espírito Santo é meu amigo", mas essas coisas não passam de meras palavras”, ressalta Patricia. "Para Ricardo, a amizade é uma realidade. Onde quer que o Senhor o leve, nos vamos juntos. E cada lugar que ele vai, você sente que a atmosfera muda, parece que se torna mais quente antes dele subir ao púlpito para pregar”, conta.

“Ele nunca vai em uma plataforma por si mesmo. O Espírito Santo sempre vai com ele e sinais e maravilhas o seguem”, comenta. “Esta amizade com Deus está disponível para quem quiser. Mas há um preço a ser pago", finalizou.

veja também