Polícia encontra corpo de pastor que estava desaparecido em Mogi das Cruzes

Antonio de Souza Chimenez estava desaparecido desde o último dia 05 de janeiro.

fonte: Guiame, com informações do G1

Atualizado: Sexta-feira, 9 Janeiro de 2015 as 9:48

O Corpo do pastor Antonio de Souza Chimenez estava enterrado em um terreno baldioNa última quinta-feira, 09/01, a polícia encontrou o corpo do pastor que estava desaprecido há aproximadamente quatro dias, próximo a Mogi das Cruzes (SP). Antônio de Souza Chimenez tinha 40 anos e foi visto pela última vez, saindo de um culto, na igreja Assembleia de Deus Unidos para Vencer, na Vila Natal.

Segundo Luiz Roberto Biló - delegado titular da investigação de homicídios em Mogi - A família já reconheceu o corpo do pastor, que foi encontrado um terreno baldio (enterrado), no bairro Botujuru. Equipes do Corpo de Bombeiros também foram acionadas para remover o corpo.

Na última vez em que foi visto, o pastor havia dito que iria pagar o aluguel da segunda unidade de sua igreja, que fica no distrito de César de Sousa. Sua esposa afirmou que Antônio visitava frequentemente esta congregação para - entre outras razões - resolver questões admnistrativas.

“Ele sempre fazia esse percurso, ficava na Vila Natal, onde mora parte da família dele, ou ia para César. No dia do desaparecimento liguei a madrugada toda e ele não me atendeu”, disse a mulher de 32 anos, que preferiu manter o seu nome em sigilo.

Testemunhas desconfiam que o pastor tenha sido vítima de algum tipo de vigança ou "acerto de contas", mas a Polícia ainda não divulgou suas conclusões a respeito deste caso.

Desde que o inquérito (investigação) foi aberto, no dia 06/01, diversas pessoas (familiares, amigos e testemunhas) já prestaram seus depoimentos à polícia.

veja também