"Quando nos preocupamos, paramos de andar na fé e de confiar em Deus", afirma Joyce Meyer

Meyer sabe que essa dificuldade é um erro, porque os cristãos não devem deixar serem consumidos pela preocupação.

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Terça-feira, 17 Maio de 2016 as 1:19

Meyer explica que o versículo não manda que os cristãos não tenham pecados. (Foto: Divulgação)
Meyer explica que o versículo não manda que os cristãos não tenham pecados. (Foto: Divulgação)

A famosa escritora Joyce Meyer diz que há momentos em que é fácil ouvir Deus falar sem qualquer dificuldade. No entanto, há momentos em que a preocupação e a ansiedade a atormenta e ela tem dificuldade para se concentrar em Deus.

Meyer sabe que essa dificuldade é um erro, porque os cristãos não devem deixar serem consumidos pela preocupação. "A Bíblia diz que devemos andar pela fé e não por vista”, escreveu Meyer em seu site. "Quando nos preocupamos, não estamos caminhando na fé e na confiança em Deus", pontuou.

Por um longo período na vida de Joyce Meyer, ela tinha um espírito crítico e desconfiado. Essa pode ser uma forma comum para as pessoas não-crentes a pensar, mas Meyer diz que é errado para os cristãos pensar dessa forma.

"Por anos, eu não tinha consciência de que o meu pensamento errado estava me causando problemas. Porque ninguém tinha me ensinado, eu não sabia que eu poderia fazer algo para mudar a minha vida e pensamento. Ele simplesmente não tinha me ocorrido. Ninguém tinha me ensinado sobre a condição adequada para a mente do crente. Deus nos oferece uma nova maneira de pensar e uma nova maneira de viver", diz ela.

Mas, quando Meyer leu 1 Coríntios 2:16, ela amanheceu com a verdade lentamente sobre ela. O verso diz: "Pois quem pode conhecer os pensamentos do Senhor? Quem sabe o suficiente para ensiná-lo? Mas nós entendemos estas coisas, pois nós temos a mente de Cristo".

Meyer explica que o versículo não manda que os cristãos não tenham pecados ou para que sejam perfeitos, assim como Cristo. O que isto significa é que os cristãos têm a capacidade de pensar sobre o amor e carinho, porque eles têm a mente de Cristo.

"Se temos Sua mente, pensamos sobre as coisas que são boas, cheias de honra e amorosas", diz ela. “Mesmo que satanás tente semear ódio e confusão nas mentes dos filhos de Deus, seus ataques serão sempre derrotados”, acrescentou.

veja também