Representantes evangélicos formam coro contra Dilma, mas se dividem no apoio a Marina

A candidatura do candidato Pr. Everaldo (PSC) tem conseguido apoio de diversos líderes cristãos, como no caso de Silas Malafaia (Ass. de Deus Vitória em Cristo).

fonte: Guiame

Atualizado: Segunda-feira, 25 Agosto de 2014 as 9:22

Representantes evangélicos formam coro contra Dilma, mas se dividem no apoio a MarinaQue a entrada de Marina Silva (PSB) como candidata à presidência da República iria mudar significativamente o cenário eleitoral, muitos já especulavam - antes mesmo do partido confirmar a candidatura. Nas eleições de 2010, a candidata que assumiu ser evangélica e integrar a Assembleia de Deus em Brasília (DF), conseguiu aproximadamente 20 milhões de votos e entra nesta "corrida eleitoral" já com força considerável. Porém, apesar de unirem forças em um coro contra Dilma Rousseff (PT), muitos líderes evangélicos têm divido no apoio à candidata do PSB.

Silas Malafaia (ADVEC)
A candidatura do candidato Pr. Everaldo (PSC) tem conseguido apoio de diversos líderes cristãos, como no caso de Silas Malafaia (Ass. de Deus Vitória em Cristo), que chegou a apoiar o PT no passado e hoje critica o partido dos trabalhodores.

"O PT pensa que nós somos otários e não estamos monitorando o que eles estão fazendo. Tudo que é lixo moral, o PT apoia", destacou.

Malafaia confirmou em seu perfil oficial das redes sociais, a notícia de que apoiará o Pr. Everaldo nestas eleições, mas caso o segundo turno se forme com a disputa entre Marina Silva e Dilma Rousseff, apoiará a candidata do PSB.

Ap. César Augusto (Ig. Fonte da Vida)
Já o Apóstolo César Augusto (Igreja Fonte da Vida) acredita que o apoio até então dado ao Pr. Everaldo, agora possa ser transferido a Marina Silva. O líder também apoiou Dilma Rousseff nas eleições de 2010, porém destacou a mudança de contexto neste cenário eleitoral.

"O quadro mudou muito. As nossas expectativas não foram supridas. Houve um desgaste com relação ao governo do PT. Eu represento dois milhões de pessoas e, dos líderes que tenho contato, a tendência é que talvez 80% migrem para a Marina", disse.

O apoio que Dilma havia obtido dos evangélicos 2010, veio em boa parte, mediante a promessa da então candidata que o avanço de temas como aborto e casamento gay não seriam pessoalmente trabalhados por ela. Neste período eleitoral, a candidata a reeleição ainda não se pronunciou sobre os temas, mas tem novamente buscado apoio em diversas igrejas do território nacional.

Bp. Manoel Ferreira (Pres. das Assembleias de Deus)
No início do mês esteve em um evento, na Assembleia de Deus do Brás (SP). Porém o o presidente da Convenção Nacional das Assembleias de Deus no Brasil, Bispo Manoel Ferreira - o qual também havia declarado o seu apoio a Dilma Rousseff em 2010 - agora irá apoiar o Pr. Everaldo.

Robson Rodovalho (Sara Nossa Terra)
Se unindo no coro contra o PT, Robson Rodovalho (Igreja Sara Nossa Terra) destacou a "perda de credibilidade do PT".

"O PT perdeu muita credibilidade com os parceiros, não só os religiosos. Uma pessoa (Dilma) faz um acordo, e os outros (membros do partido) não assinam embaixo", disse.

Renê Terra Nova (MIR)
Outro representante cristão que afirmou que irá apoiar Marina Silva nestas eleições (2014) foi o Ap. Renê Terra Nova (Ministério Internacional da Restauração). Na verdade, o líder já havia apoiado Marina em 2010 e não pretende mudar o seu voto.

Mário de Oliveira (Igreja Quadrangular)
Por sua vez, o chefe da Igreja do Evangelho Quadrangular, Mário de Oliveira, que apoiou Dilma em 2010, agora faz campanha com Pastor Everaldo e diz que vai "indicar o voto ao membros de sua igreja".

Com informações de O Estado de S. Paulo.

 

veja também