Televangelista alerta contra o 'crislamismo', que combina fé cristã e muçulmana

Segundo Jack Van Impe, a Irmandade Muçulmana está incentivando os americanos a "encontrar Jesus no Alcorão" e os convencendo que "Maomé acreditava na paz, na justiça social, nos direitos das mulheres."

fonte: Guiame, com informações de Christian Today

Atualizado: Quinta-feira, 15 Outubro de 2015 as 4:39

Jack Van Impe apresenta os programas de televisão evangelísticos com sua esposa, Rexella Van Impe. (Foto: JVIM)
Jack Van Impe apresenta os programas de televisão evangelísticos com sua esposa, Rexella Van Impe. (Foto: JVIM)

O televangelista norte-americano Jack Van Impe tem reunido esforços para ensinar sobre os perigos de uma religião crescente apelidada de "crislamismo". Como o nome indica, a nova ideologia faz uma combinação entre a fé cristã e muçulmana.

A Irmandade Muçulmana está promovendo fortemente a religião, espalhando mais de 100 cartazes pelas ruas dos Estados Unidos, incentivando os americanos a "encontrar Jesus no Alcorão" e os convencendo que "Maomé acreditava na paz, na justiça social, nos direitos das mulheres." 

Outdoors foram espalhados por diversos estados americanos como Texas, Geórgia, Iowa e Califórnia. "Maomé: A Misericórdia para a Humanidade", diz um anúncio em Dallas. Outro proclama: "Mesma família, mesma mensagem: Abraão, Moisés, Jesus e Maomé. A paz esteja com todos eles."

No entanto, Van Impe alerta cristãos, em especial os americanos, a não serem enganados por essas mentiras. O pastor criticou os autores dos outdoors, afirmando que eles estão promovendo o "engano" e levando "desgraça" para o nome de Jesus Cristo. 

"Eu tenho muito a dizer, porque desde que expuseram esses cartazes eu tenho procurado meu Novo Testamento. Eu tenho procurado o Alcorão, e eles têm 396 mentiras e erros sobre o nosso Jesus e o Jesus deles. Eles não são os mesmos", exorta Van Impe ao site WND.

"É por isso que Moisés, a quem eles estão reivindicando ser um de seus seguidores, disse que no primeiro mandamento: 'Não terás outros deuses além de mim', e isso inclui Jesus, que é o nosso Deus, como diz em Romanos 9, no versículo 5", continuou.

veja também