Treinador cristão expressa sua fé, após morte da esposa: "Tudo coopera para o bem"

Treinador assistente de um time de basquete, Monty Williams afirmou que tem vivido um momento duro, mas crê na Palavra que está registrada em Romanos 8:28 e pediu que todos orassem pela família da outra mulher que se envolveu no acidente que matou sua esposa.

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Domingo, 21 Fevereiro de 2016 as 2:52

O treinador assistente do time de basquete 'Oklahoma City Thunder', Monty Williams citou versículos da Bíblia, enquanto ele explicava como a sua fé o ajudou a lidar com a dor causada pela morte de sua esposa. O técnico fez um discurso na última quinta-feira (18), em uma cerimônia memorial para a sua esposa, que morreu em um acidente de carro.

"Eu sou grato por todas as pessoas que compareceram hoje. É um momento muito difícil, não só para mim, mas para todos vocês também. Estou consciente disso", disse Williams em uma cerimônia com cerca de 900 pessoas, o que incluiu treinadores e jogadores da NBA. A cerimônia memorial foi realizada na Igreja Crossings Community, na cidade de Oklahoma (EUA).

Sua esposa, Ingrid Williams, morreu no dia 10 de fevereiro, um dia depois do acidente. Seu carro foi atingido de frente por uma SUV, que pareceu ter perdido o controle. A motorista do outro carro, Susannah Donaldson, também morreu no acidente.

"Isso é muito difícil para minha família, mas tudo vai ficar bem. E minha esposa iria ficar brava se eu me sentasse aqui e simplesmente lamentasse sobre o que está acontecendo. Isso não tira a dor, mas vai funcionar, porque Deus faz com que todas as coisas cooperem para o bem. Você não pode simplesmente parar; você não pode desistir", disse ele, fazendo referência à passagem de Romanos 8:28.

"E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito", diz o versículo.

Ele disse que sua esposa cria em Jesus Cristo, e ele amava sua esposa e falava dela com orgulho aos seus amigos e colegas sobre ela.

"Eu quero fechar com isso, e eu acho que é a coisa mais importante que precisamos entender. Todo mundo está orando por mim e minha família, o que é ótimo, mas não nos esqueçamos de que havia duas pessoas nesta situação, e que a família [de Susannah Donaldson] precisa de oração também", disse Williams. "Nós não temos nenhum ressentimento para com esta família. Essa família não acordou querendo causar esse acidente, envolvendo minha esposa. A vida é dura. É muito difícil. E isso foi duro, mas nós não temos nenhum ressentimento para com a família Donaldson. Nós, como um grupo de irmãos unidos, devemos orar por aquela família porque eles também estão de luto agora. Então não vamos perder de vista o que é importante".

Ele acrescentou: "Na minha casa, temos uma placa que diz: 'Eu e minha casa casa serviremos ao Senhor'. Não podemos servir ao Senhor, se não tivermos um coração de perdão".

A ESPN citou David West do time de basquete 'San Antonio Spurs', que estava no culto memorial e disse: "Se você conhecer Monty, você se torna uma pessoa melhor por conhecê-lo".

"É uma situação muito difícil para a família dele", acrescentou West. "Ele é um homem corajoso. Eu admito a sua força e sua coragem. Esse foi provavelmente um dos momentos mais poderosos da minha vida. Me assentar lá e ouvi-lo, com a força para se colocar à frente de seus filhos e pedir a todos para orar também pela família da outra senhora que se envolveu no acidente. Ele mostrou uma força e coragem que eu nunca tinha visto na minha vida. Assim, nossos corações estão com ele".

veja também