"Um líder precisa ser formado com estudo e leitura", diz Dr. Ednilton Soárez

Em entrevista exclusiva, Ednilton falou mais sobre o assunto e também alertou líderes cristãos sobre o perigo de permanecer apenas na superficialidade espiritual e relacional.

fonte: Guiame

Atualizado: Sexta-feira, 25 Julho de 2014 as 11:43

"Um líder precisa ser formado com estudo e leitura", diz Dr. Ednilton Soárez

Estar atento ao que acontece à sua volta. Este foi um dos principais conselhos dados pelo Dr. Ednilton Gomes de Soárez, diretor geral da Faculdade 7 de Setembro e presbítero da Igreja Presbiteriana Nova Jerusalém, em Fortaleza (CE). O empresário e educador foi o preletor da solenidade de abertura da ExpoEvangélica 2014, na última quarta-feira, 23/07, e falou sobre a importância do processo de preparo de um líder, seja na área corporativa ou ministerial.

Entre os fatores citados pelo preletor, ganharam destaque a busca por literaturas relevantes, a atenção às redes sociais e também a disciplina em relação à qualidade de tempo com a família.

Em entrevista exclusiva, Ednilton falou mais sobre o assunto e também alertou líderes cristãos sobre o perigo de permanecer apenas na superficialidade espiritual e relacional.

Confira a entrevista na íntegra, logo abaixo:

Portal Guiame: Você falou sobre a importância de um líder se preparar para estar à frente de um projeto ou de um grupo. Em quais pontos esse preparo pode ser trabalhado?

Dr. Ednilton Gomes de Soárez: Havia antigamente nas universidades e academias, uma pesquisa para descobrir se o líder podia ser feito ou se ele nascia feito. Hoje já não existe mais isso. Já se concluiu que um líder tem que ser formado. Você pode ter uma liderança carismática, mas precisa também ter formação. Por exemplo, se você vai ser o líder daquela empresa, precisa estudar o mercado, saber o que está acontecendo em volta e também os produtos que se quer lançar e até mesmo buscar nas redes sociais, o que está sendo falado sobre aquela empresa. Um líder precisa de estudo, de leitura. Ele não pode deixar ter acesso a literaturas pertinentes ao seu campo de trabalho.

Guiame: Falando sobre redes sociais, em qual ponto você acredita que esta ferramenta tenha sido decisiva na mudança do perfil de liderança dos dias atuais?

Dr. Ednilton: Ela provou que você não pode mais ficar isolado no seu gabinete, na sua empresa. Você tem que estar conectado com o mundo - entre tantas outras formas - também através das redes sociais. Se você não acompanha o Instagram, o Facebook (que são as redes sociais mais difundidas pela juventude), você está desconectado da realidade.

Guiame: Smartphones e tablets já ganharam muitos adeptos de todas as idades. Em sua opinião, este envolvimento com a tecnologia facilita ou dificulta o processo de formação de um líder?

Dr. Ednilton: Assim como outros fatores, como a própria internet e as redes sociais mais fortes, eles podem ser usados, tanto para o bem, como para o mal. Podem ser excelentes instrumentos de trabalho. Hoje, o Google ajuda muito, mas eu converso com os meus professores sobre o seguinte: "se o aluno pode responder à pergunta através do Google, a pergunta não foi bem feita" [risos]. Esta pergunta teria sido óbvia. O Google está aí, mas é preciso buscar perguntas que façam o líder meditar, ponderar, raciocinar antes de responder.

Guiame: Você também citou em sua palestra, a importância de um líder cristão disciplinado. Seja na leitura da Bíblia, seus momentos devocionais, ministeriais ou com a família. Seria possível achar uma causa para a displicência de tantos líderes cristãos em relação a estes pontos tão importantes?

Dr. Ednilton: Talvez isto aconteça por causa da superficialidade em que se vive hoje. As pessoas se limitam à aparência e à superficialidade, sem se aprofundar nos assuntos e relacionamentos. A família corre este risco e o líder cristão também. Quanto tempo você passa com o seu filho? Quanto você dedica a ele para conversar? Qual é o tempo de qualidade que você tem com sua família? E para você se aprofundar espiritualmente, quando foi a última vez que você ficou a sós com Deus, orando ou lendo a Bíblia? Você tem que se perguntar sobre estas questões. É preciso ter disciplina e cuidar para se dedicar a Deus, à família e ao trabalho.

Por João Neto - www.guiame.com.br 

veja também