Alice Cooper: "O evangelismo pela TV é uma das maiores armas de Satanás"

Em uma de suas declarações, o roqueiro que fez fama na década de 70 advertiu que o diabo é "muito inteligente" e que o evangelismo através da televisão é uma de suas maiores armas.

fonte: Guiame, com informações de Christian Today

Atualizado: Quinta-feira, 1 Outubro de 2015 as 5

Alice Cooper retornou para o cristianismo durante os anos 80. (Foto: FilmMagic)
Alice Cooper retornou para o cristianismo durante os anos 80. (Foto: FilmMagic)

 

Alice Cooper, roqueiro que fez fama na década de 70, era filho de um pastor, mas se afastou da fé durante sua estrondosa carreira no 'Rock and Roll'. Ele retornou para o cristianismo durante os anos 80, e passou a se descrever como "o verdadeiro filho pródigo".
 
Em uma de suas declarações, o cantor advertiu que o diabo é "muito inteligente" e que o evangelismo através da televisão é uma de suas maiores armas, de acordo com a CNS.

"O evangelismo pela TV é uma das maiores armas de Satanás. Ele coloca esses caras em um pedestal e, de repente, eles podem ser pegos com uma prostituta; e cada cristão que eu conheço está sob essa arma", afirma Cooper.

"Então você não acha que essa é uma forma de ele atuar? Sim, eu estou te dizendo: o Diabo é muito inteligente. Ele não vai vir com os chifres e rabo, mas sim como o mais habilidoso vendedor de carros que você já viu. Eu vi alguns pastores muito habilidosos na TV", disse o cantor.

Cooper conta que ao longo de sua carreira, mesmo quando ele não tinha uma fé ativa, suas canções "continham todos os tipos de sinônimos cristãos mostrando esse caminho". "Mesmo quando eu não era cristão eu estava dizendo: 'Deus e o Diabo, não escolher o Diabo, porque é uma má idéia.'"

Ao falar sobre a tentativa de ser um cristão fiel em meio a indústria do rock-and-roll, ele disse que não é fácil, porque se Deus coloca "sua alma à vontade", o dia-a-dia se torna mais difícil.

Cooper comparou sua vida com a de Jonas, que foi engolido por uma baleia e depois cuspido para fora. "As pessoas riem de mim e dizem: 'Bem, você sabe, você não pode realmente acreditar'. E eu digo: 'Se eu posso acreditar que Deus criou o mundo e criou tudo o que há nele, então por que não poderia acreditar em uma coisa simples como essa?'"

veja também