Empresa de biquíni gera polêmica ao dizer que comemorou "mais aniversários que Jesus"

Estampando a frase "ao contrário de Jesus ou Alexandre, vamos seguir em frente", a empresa ironiza o fato de ter vivido mais tempo que Jesus Cristo e o imperador Alexandre Magno, que morreram aos 33 anos.

fonte: Guiame, com informações de Christian Today

Atualizado: Quarta-feira, 18 Maio de 2016 as 11:53

A Ta-bou, uma empresa de roupas de praia, gerou grande polêmica depois de espalhar anúncios pela Suíça onde uma modelo posa, de biquíni, ao lado de uma cruz.

A campanha comemora o 38º aniversário da organização, estampando a frase: "Ao contrário de Jesus ou Alexandre, vamos seguir em frente".

A empresa ironiza o fato de ter vivido mais tempo que Jesus Cristo e o imperador Alexandre Magno, que morreram aos 33 anos.

De acordo com o porta-voz da Igreja Reformada da Suíça, Nicolas Mori, o conteúdo do anúncio é teologicamente errado.

"O rótulo de Jesus não deixou de existir depois de seus 33 anos. Em contraste a isso, nos últimos 2 mil anos, a humanidade tem sido conduzida pela ocupação do Filho de Deus.”

Apesar da oposição, o presidente da Ta-bou, Gianni de Nicola, não se arrepende de sua escolha para a campanha. "Eu não tenho nenhum problema para dormir à noite. Queremos lutar pela ética na produção de têxteis e isso é o que conta", disse ele.

A modelo exibida no anúncio é sua filha, Valeria de Nicola, que também desenhou alguns dos biquínis.

Segundo o porta-voz da Aliança Evangélica Suíça, Thomas Hanimann, o anúncio tem a intenção de ofender o sentimento religioso.

"É uma pena que a empresa e os especialistas em marketing responsáveis ​​por ela não queiram ver a questão da crença de forma mais profunda, parece que para eles é um tabu."

veja também