Evangélicos americanos são um dos maiores defensores de Israel, revela pesquisa

A maioria acredita que Deus tem planos para o povo de Israel, e muitos pregadores americanos dizem a seus fiéis que os cristãos têm a obrigação de apoiar o Estado judeu.

fonte: Guiame, com informações de Breaking Israel News

Atualizado: Terça-feira, 21 Julho de 2015 as 11:06

Região do Tanque de Betesda, na zona Norte de Jerusalém, Israel. (Foto: Ap. Joel Engel)
Região do Tanque de Betesda, na zona Norte de Jerusalém, Israel. (Foto: Ap. Joel Engel)

 

Americanos evangélicos estão entre os maiores defensores de Israel, segundo revela uma nova pesquisa da LifeWay Research. A maioria acredita que Deus tem planos para o povo de Israel, e muitos pregadores americanos dizem a seus fiéis que os cristãos têm a obrigação de apoiar o Estado judeu.

O instituto de pesquisa realizou o estudo sobre as atitudes americanas em relação a Israel e a Bíblia usando dois inquéritos separados – o primeiro entrevistou mil pessoas da população norte-americana, enquanto o segundo se dirigiu a mil pastores de igrejas evangélicas.

O estudo revelou que os evangélicos enxergam uma estreita ligação entre Deus e Israel. Cerca de 69% dos entrevistados sentem que a nação moderna de Israel é um cumprimento da profecia bíblica, enquanto 70% afirma que Deus tem uma relação especial com o moderno Estado de Israel. 73% dos evangélicos pesquisados ​​disseram que o desenrolar dos acontecimentos em Israel hoje fazem parte das profecias do Livro de Apocalipse.

O público americano em geral, no entanto, é mais cético. Menos de metade, apenas 46%, enxergam a formação do Estado judaico moderno como o cumprimento de uma profecia, enquanto 36% discorda, e 17% permanece incerto.

Quando se trata de o Estado da nação judaica como povo escolhido de Deus, mais uma vez, 46% dos americanos concordam, 44% descordam, e 10% não tem certeza.

Cerca de 64% dos norte-americanos entrevistados disseram que Deus tinha "uma relação especial com o antigo Israel", enquanto 27% discordaram e 9% estavam indecisos. Quando se fala da Israel moderna, no entanto, apenas 48% dos americanos vêem que Deus tem um relacionamento especial com o Estado judeu. Por outro lado, uma pesquisa anterior da LifeWay mostrou que 53% dos americanos acham que Deus tem uma relação especial com os Estados Unidos.

Surpreendentemente, a pesquisa também revelou que apenas 42% dos americanos apoiam a existência do moderno Estado de Israel. Dos apoiantes de Israel, 16% citaram a Bíblia como sua razão para isso. Outras explicações para apoiar Israel são por ser o único amigo dos Estados Unidos no Oriente Médio (13%), um refúgio pós-holocausto para os judeus (11%) ou porque é o único estado judaico do mundo (15%).

Entre os entrevistados, os apoiantes mais fervorosos de Israel eram os pastores protestantes, onde 80% concordam que "cristãos devem apoiar Israel". No entanto, apesar de seu apoio pelo Estado judeu, 41% expressaram que "é difícil defender as táticas militares de Israel", enquanto 50% discordaram e 9% não tinham certeza. 

veja também