Filipe Toledo vence a etapa de Gold Coast de surfe e reconhece: "Deus me ajudando"

Ao comentar a difícil conquista, Filipinho lembrou que os treinos não foram leves, mas destacou que tudo foi "preparado por Deus".

fonte: Guiame, com informações do Globo Esporte

Atualizado: Sexta-feira, 13 Março de 2015 as 9:22

Logo ao entrar na água para competir na final da etapa de Gold Coast (surfe) na Austrália, ele apontou para os céus e orou. Filipe Toledo tinha que conseguir uma boa pontuação para vencer o favorito local, Julian Wilson e assim o fez: por 19,60 a 14,70, o brasileiro conseguiu o seu primeiro título no Circuito Mundial de Surfe.

Ao comentar a difícil conquista, Filipe lembrou que os treinos não foram leves, mas destacou que tudo foi "preparado por Deus".

"Só Deus e minha família sabem o quanto treinei e de quanta coisa abri mão para que isso acontece. Esperei muito por esse momento, sonhei muito com isso e minha hora chegou. Deus preparou esse dia para mim, do jeito que ele queria. Foi demais!", comemorou.

Os brasileiros que invadiram a praia de Snapper Rocks (Austrália) nem esperaram que Filipe saísse da água para celebrar com o surfista. Erguiam Filipinho nos braços, gritando "É campeão!" e "Ha ha hu hu, a Austrália é nossa".

Emocionado, o surfista expressou sua gratidão e alegria pela conquista e o carinho de todos.

"Não tinha jeito melhor de terminar essa final. Fechar a bateria desse jeito, com uma nota 10, com meu pai, meus amigos todos aqui e essa multidão brasileira dando esse apoio, Deus me ajudando... Significou muito para mim", completou.

Confira imagens da bateria no vídeo abaixo:

Testemunho
Filipinho é um dos surfistas brasileiros que tem sempre lembrado de reconhecer o cuidado de Deus em suas vitórias.

Após todos acompanharem a vitória de Gabriel Medina na praia de Pipeline, em dezembro do ano passado (2014), Filipinho representa o Brasil mais uma vez, declarando também sua fé.

O surfista já havia feito algo parecido, quando subiu ao pódio, na etapa O'Neil SP Prime (última etapa do WQS antes da temporada havaiana), em novembro do ano passado. De medalha na mão, o atleta reconheceu que tem sido abençoado pelo cuidado de Deus em sua vida.

 

 

veja também