Lecrae comenta ataque em Charleston: "A igreja precisa acabar com a opressão, não apenas perdoar"

O rapper gospel Lecrae exortou a igreja a fazer mais do que apenas perdoar o ataque, mas sim clamar por justiça. "Não vamos simplesmente incentivar os oprimidos a terem calma e agir pacificamente", disse o cantor americano.

fonte: Guiame, com informações de The Christian Post

Atualizado: Quarta-feira, 24 Junho de 2015 as 2:49

O rapper cristão Lecrae exortou a igreja a fazer mais do que apenas perdoar o ataque. (Reprodução/ Reach Records)
O rapper cristão Lecrae exortou a igreja a fazer mais do que apenas perdoar o ataque. (Reprodução/ Reach Records)

 

Sobre o massacre da igreja de Charleston, na Carolina do Sul (EUA), o rapper cristão Lecrae exortou a igreja a fazer mais do que apenas perdoar o ataque, mas sim clamar por justiça. "Não vamos simplesmente incentivar os oprimidos a terem calma e agir pacificamente", disse o cantor americano.

No último dia 17, Dylann Roof, de 21 anos, abriu fogo contra os membros da igreja Emanuel African Methodist Episcopal, depois de estar com o grupo de estudos bíblicos por cerca de uma hora antes de atirar. Nove pessoas morreram e três ficaram feridas.

Enquanto muitos familiares das vítimas ofereceram seu perdão ao atirador no primeiro culto da Emanuel após o ataque, Lecrae chamou os cristãos a darem um passo além e combaterem a opressão.

"Deixo as palavras de Isaías 1:17: 'Aprendam a fazer o bem. Busquem a justiça, acabem com a opressão'", disse o rapper.

O cantor também traçou um paralelo entre a cultura americana atual e a cultura de 1800, citando o caso de Michael Brown, um jovem negro morto a tiros por um policial branco enquanto estava desarmado em Ferguson, Missouri, no ano passado.

"A história também é o que torna mais difícil ver que para alguns, Michael Brown era nada mais do que um bandido, mas durante séculos os homens negros não foram considerados homens", Lecrae argumentou.

Ele continuou: "Nós, como indivíduos, somos culpados por nossas ações, mas não podemos ignorar os efeitos do passado."

Lecrae disse que a nação precisa de "mãos e pés nas cidades, instituições e infra-estruturas", bem como o Evangelho que "liberta a alma e nos liberta a viver com os outros com uma compaixão genuína."

veja também