Lutador Rafael dos Anjos responde a provocações de adversário com versículo bíblico

Anteriormente, Rafael tinha sido alvo de ironias de Conor McGregor, que apontou o brasileiro como um "traidor de seu próprio povo", ao ter se mudado para os Estados Unidos. A passagem bíblica de Isaías 37:29 foi o que ele usou para responder o irlandês.

fonte: Guiame, com informações do Canal Combate

Atualizado: Terça-feira, 19 Janeiro de 2016 as 2

Após ter sido chamado de "traidor" pelo irlandês Conor McGregor, o lutador de MMA Rafael dos Anjos decidiu responder o seu próximo adversário com um versículo bíblico.

Anteriormente, Rafael tinha sido alvo de ironias de McGregor, que apontou o brasileiro como um "traidor de seu próprio povo", ao ter se mudado para os Estados Unidos.

"Sr. McGregor ainda está ocupado contando o dinheiro da luta passada. Ele escolheu dedicar esse trabalho de demolição ao povo leal do Brasil e todos os fãs ao redor do mundo que continuam verdadeiros às suas raízes e leais à sua terra", postou lutador irlandês nas mídias sociais, se referindo a ele próprio na terceira pessoa.

"Sr. McGregor afirma que Rafael é um traídor ao seu povo e promete "decapitar o "Gringo Americano" Rafael dos Anjos, em nome de La Brasilia!" Viva la Brasil! Vejo vocês em Las Vegas, dias 5 de março. O rei retorna!".

McGregor ainda completou sua provocação posrtando uma montagem de uma foto de Rafael dos Anjos 'usando' um chapéu do Tio Sam (figura que tornou-se um símbolo norte-americano).


Resposta
Se preparando para enfrentar o irlandês no dia 04 de março (2016), Rafael dos Anjos decidiu responder às provocações de McGregor, usando a Bíblia.

"Eu soube do seu ódio e do seu orgulho, e agora vou pôr uma argola no seu nariz e um freio na sua boca, e farei você voltar pelo mesmo caminho por onde veio' Isaías 37:29", postou o brasileiro em sua página oficial do Facebook, junto com uma imagem de divulgação de sua próxima luta.

Esta não é a primeira vez que McGregor tenta chamar a atenção com frases provocativas. Em dezembro (2015), o lutador aproveitou para fazer chacota de lutadores cristãos que professam publicamente a sua fé, afirmando que "daria uma surra em Jesus".

"Eu contra Jesus no octógono? (Risos). Não há um homem vivo que possa me bater, mas Jesus não está vivo, então não sei, talvez ele possa voltar dos mortos, não sei. Ainda assim, daria uma surra nele", afirmou McGregor em entrevista ao site TMZ Sports.

Rafael expressou sua revolta com relação à declaração de McGregor e destacou que a vitória nesta luta pode ser gratificante (acima das questões financeiras).

"Fiquei muito chateado quando ele fez aquela blasfêmia e falou de Jesus. Sou cristão e fiquei muito ofendido com isso. Acho que só a felicidade de botar as mãos nele já vai me realizar. O dinheiro é importante, todo mundo gosta e precisa, mas eu não amo o dinheiro. Ele sim, ama o dinheiro", afirmou.

veja também