"Maior patrocinadora da imoralidade", afirma Silas Malafaia em crítica à Rede Globo

Fazendo referência à nova novela, o pastor escreveu sobre o apelo à imoralidade: "Espero que, como a antiga Babilônia, eles se autodestruam."

fonte: Guiame

Atualizado: Terça-feira, 17 Março de 2015 as 3:06

Cena de beijo lésbico na novela Babilônia
Cena de beijo lésbico na novela Babilônia

A novela 'Babilônia', nova atração do horário nobre da Globo, estreou nesta segunda-feira (16). No site Verdade Gospel, o pastor Silas Malafaia publicou um comentário a respeito da novela, lamentando a apologia à homossexualidade e à perversão moral.

"Não tenho nenhuma dúvida que a Rede Globo é a maior patrocinadora da imoralidade e do homossexualismo no Brasil. Uma vergonha", exclama Malafaia.

No texto, o pastor cita a TV nos Estados Unidos, em que, segundo ele, não há programação que mostre imoralidade no horário entre 21 e 22 horas.

"O Brasil está confundindo liberdade com libertinagem. Toda sociedade que não tem limites se autodestroi", pondera.

Silas Malafaia destaca o papel fundamental da mídia na construção de valores e modo de vida das pessoas. "A Rede Globo tem contribuído para a destruição de valores morais fundamentais para o bem-estar da sociedade, isso é uma afronta a família, uma afronta as crianças e aos adolescentes, a imoralidade que esse veículo de comunicação tem propagado para a sociedade."

Para o pastor, o nome da novela representa o que tem sido a emissora, e conclui: "Espero que, como a antiga Babilônia, eles se autodestruam."


.

veja também