Policiais retiram adesivos bíblicos dos carros após pressão de ateus, nos EUA

O adesivo, aplicado na traseira dos veículos, continha a referência bíblica "Romanos 13:4". No trecho, a Bíblia diz: “[A autoridade] é serva de Deus para o seu bem."

fonte: Guiame, com informações de The Christian Post

Atualizado: Quinta-feira, 7 Julho de 2016 as 12:14

O adesivo, aplicado na traseira dos veículos, continha a referência bíblica "Romanos 13:4". (Foto: Reprodução/KNSW)
O adesivo, aplicado na traseira dos veículos, continha a referência bíblica "Romanos 13:4". (Foto: Reprodução/KNSW)

O departamento de polícia de Harper, no estado norte-americano de Kansas, cedeu à pressão da maior organização ateísta dos Estados Unidos, que pediu para que todos os adesivos com versículos bíblicos fossem removidos dos veículos da patrulha.

A “From Religion Foundation” (“Fundação Livre de Religião”) se moveu depois que, em junho, um morador fez uma queixa anônima direcionada ao chefe de polícia do estado, Doug Murphy, exigindo que os adesivos bíblicos fossem retirados dos carros.

O adesivo, aplicado na traseira dos veículos, continha a referência bíblica "Romanos 13:4". No trecho, a Bíblia diz: “[A autoridade] é serva de Deus para o seu bem. Mas se você praticar o mal, tenha medo, pois ela não porta a espada sem motivo. É serva de Deus, agente da justiça para punir quem pratica o mal.”

Segundo a organização ateísta, a referência desta citação nos adesivos viola a Cláusula de Estabelecimento da Primeira Emenda. "Estes adesivos devem ser removidos", disse a carta da From Religion Foundation (FFRF, na sigla em inglês).

A carta alegou, ainda, que a mensagem nos veículos policiais envia uma propagação do cristianismo para 30% dos norte-americanos que não se identificam como cristãos. O documento foi assinado pelo advogado da FFRF, Andrew Seidel.

A organização, em seguida, afirmou que Romanos 13: 4 é uma mensagem "particularmente perturbador".

"Romanos 13 começa afirmando que ‘não há autoridade que não venha de Deus; e as que existem foram ordenadas por Ele’ (versão King James). A ideia conflita diretamente com a fonte da Constituição das Autoridades: ‘Nós, o povo’", argumenta a carta.

"Há também algo perverso se referindo a ‘agente da justiça’, ‘traz a espada’ e ‘executar punição’, quando sua verdadeira função é proteger e servir", acrescenta a carta.

Enquanto a FFRF comemora sua vitória, alguns moradores do estado ficaram sem entender que tipo de ameaça um adesivo bíblico nos carros da polícia fariam à Kansas.

"Eles têm o direito de ter o adesivo lá, se eles querem", disse Margaret Carrington, moradora da cidade de Harper. "Se eles tivessem outro tipo de adesivo, isso faria diferença?"

veja também