Professora impede criança de ler Bíblia infantil em tempo livre na escola

Brionna, de 9 anos, tirou a Bíblia da bolsa para ler durante a leitura livre, depois de finalizar uma tarefa. No entanto, ao inspecionar os livros dos alunos, a professora pediu para que a criança guardasse o livro sagrado.

fonte: Guiame, com informações de WKYC

Atualizado: Segunda-feira, 9 Maio de 2016 as 4:36

Brionna, de 9 anos, foi impedida de ler a Bíblia durante a leitura livre, depois de finalizar uma tarefa. (Foto: Reprodução/WKYC)
Brionna, de 9 anos, foi impedida de ler a Bíblia durante a leitura livre, depois de finalizar uma tarefa. (Foto: Reprodução/WKYC)

Durante o momento de leitura livre, uma aluna da terceira série foi impedida pela professora substituta de ler sua Bíblia infantil, em um colégio norte-americano localizado na cidade de Lancaster, na Pensilvânia.

De acordo com os pais, Brionna, de 9 anos, voltou para casa aos prantos. “Mamãe, a professora me fez guardar a Bíblia", disse a garota. “O que você quer dizer com isso?”, questionou Audra Palmer, a mãe da criança.

Brionna relatou à mãe que tirou a Bíblia da bolsa para ler durante a leitura livre, depois de finalizar uma tarefa. "A professora estava inspecionando os livros de todos os alunos, e disse a ela para deixar seu livro de lado e ler outro diferente", disse Audra.

Ao ser procurado pela imprensa local, o superintendente do colégio disse que a situação foi conduzida de forma diferente, indicando que a professora estava fazendo uma leitura em voz alta para os alunos na ocasião.

"A aluna foi convidada a guardar seu livro, enquanto a lição estava acontecendo", segundo comunicado da escola. "Aconteceu que o livro era a Bíblia. A professora não teve nenhum problema em ver uma aluna lendo a Bíblia durante o tempo de leitura livre".

Para consolar a criança, Audra assegurou à filha que ela não tinha feito nada de errado, e que não deve ter vergonha de ler a Bíblia. “Nós sempre ensinamos nossos filhos a serem crentes firmes na Bíblia e na nossa fé, e a não se envergonharem disso”, disse a mãe.

veja também