Idealizador da Expoevangélica destaca trabalho missionário realizado pela Feira, no Ceará

O pastor Francisco destacou que sua intenção é continuar não cobrando ingressos dos visitantes da Expoevangélica e direcioná-los a doarem alimentos não perecíveis, que serão posteriormente distribuídos entre quatro projetos sociais.

fonte: Guiame

Atualizado: Sexta-feira, 22 Julho de 2016 as 5:53

"Um trabalho missionário". Esse é um dos principais pontos que o idealizador da Expoevangélica não aceita que a já considerada maior feira de artigos evangélicos do Brasil deixe de ter em suas edições. Em entrevista exclusiva ao Portal Guiame, o pastor Francisco Everton explicou que o evento tem sido realizado sempre com o direcionamento de Deus e celebrou o sucesso da 11ª edição do evento, que aconteceu nos últimos dias 6 a 9 de julho.

"Eu quero primeiramente agradecer a Deus e dizer que isso é fruto de oração. A Feira foi colocada sobre os joelhos para ser realizada. Claro que a gente tem dificuldades, porque o homem enfrenta essas dificuldades que tentam nos desanimar. Mas quando eu fui criar a Feira, eu pedi uma resposta de Deus. Eu só faria a Feira se Ele me desse a segurança de que estava ao meu lado [nesse projeto]", disse.

Após receber a resposta que tanto esperava, o pastor decidiu iniciar o projeto e hoje celebra o êxito da iniciativa, que tem crescido cada vez mais nesses 11 anos e contando com a parceria do Portal Guiame.

"O Portal Guiame esteve sempre conosco e hoje estamos chegando à nossa 11ª edição. Para nós, foi uma surpresa muito grande, porque em uma das noites, tivemos que fechar as portas e não deixar mais os nossos irmãos entrarem, porque superlotou".


Social e evangelístico
O pastor Francisco destacou que sua intenção é continuar não cobrando ingressos dos visitantes da Expoevangélica e direcioná-los a doarem alimentos não perecíveis, que serão posteriormente distribuídos entre quatro projetos sociais.

Pastor Francisco Everton é o presidente da F. Everton Eventos e idealizador da Expoevangélica, em Fortaleza - CE. (Foto: Levi Facó / Guiame)

"A maioria das feiras cobram valores por suas entradas. Eu orei a Deus para reivindicar de não cobrar valor nenhum, para receber essas doações e fazer um trabalho missionário. Esses alimentos arrecadados serão destinados a quatro projetos sociais", explicou

Em 2015, a Expoevangélica arrecadou 8 toneladas de alimentos e agora em 2016, conseguiu cumprir sua meta, com cerca de 15 toneladas.

veja também