Time de rugby de Uganda celebra vitória louvando a Deus; assista

"Se eu viver uma vida santa, evitarei o mal e farei o certo, sei que o Senhor abrirá um caminho para mim", cantam os atletas de Uganda.

fonte: Guiame, com informações da CNN

Atualizado: Quinta-feira, 5 Janeiro de 2017 as 8:50

Eles ainda não se classificaram para a Copa do Mundo de Rugby, mas o time de Uganda (conhecido como Cranes) encontra inspiração e força nas orações e hinos cristãos, antes e depois de cada partida.

"Se eu viver uma vida santa, evitarei o mal e farei o certo, sei que o Senhor abrirá um caminho para mim", gritam os atletas.

O gerente da equipe, Michael Wandera acha que o canto é animador. "Ao cantar este hino, a equipe reconhece que com Deus todas as coisas são possíveis", disse ele à CNN.

"Isso é meditativo, levanta a equipe e faz com que eles se concentrem como um grupo", acrescentou.

Este foi um dos anos mais bem sucedidos para os Cranes. A equipe se classificou para a Série Mundial 2016-17, ao conquistar o título de rugby da África pela primeira vez em setembro (2016).

Uganda derrotou o Quênia, uma equipe altamente considerada, nas semifinais e, em seguida, eliminou a Namíbia nas finais. A Namíbia jogou nos últimos quatro torneios da Copa do Mundo de Rugby.

Os Cranes estão se preparando para o importante torneio "Hong Kong Sevens", em abril, onde estarão entre as equipes com o objetivo de ganhar um lugar de qualificação para a Série Mundial 2017-18.

O capitão do time, Eric Kasiita acredita na importância de que a equipe honre a Deus e afirma que isto tem aberto portas para a equipe.

"Isso realmente abriu grandes portas e janelas para os jovens jogadores quando voltaram para suas casas", disse o capitão à CNN.

O Uganda "Rugby Cranes" também teve uma importante vitória sobre o Japão, que chegou às semifinais do torneio olímpico de 2016, no Rio de Janeiro, em agosto.

veja também