Valdemiro Santiago é esfaqueado durante culto, mas sobrevive: "Só vai quando Deus quer"

O pastor Valdemiro Santiago gravou um vídeo, afirmando que já está fora de perigo e que, mesmo não conhecendo o agressor. já o perdoou.

fonte: Guiame

Atualizado: Domingo, 8 Janeiro de 2017 as 11:08

Na manhã deste domingo (8), o apóstolo Valdemiro Santiago sofreu uma tentativa de assassinato durante um culto de sua igreja. Ele foi esfaqueado no pescoço por um homem, o qual ainda não foi reconhecido, enquanto orava no púlpito.

Santiago gravou um depoimento em vídeo, que foi publicado no Facebook. O pastor afirmou que já está fora de perigo e que ele só morrerá "quando Deus quiser".

"Eu estava impondo as mãos, acabando de ouvir um milagre, um testemunho e entrou alguém que eu não sei quem era, veio por trás e me deu uma facada no pescoço. Mas fiquem tranquilos, que só vai quando Deus quer. Quando Deus não quer, não vai. Eu volto aí para vocês, para abençoar vocês, em nome de Jesus. Orem por mim", disse

Falando sobre o agressor, Valdemiro afirmou que não deseja mal à pessoa e afirmou que possivelmente, o autor do crime é alguém que precisa da misericórdia de Deus.

"Eu perdoo a pessoa que fez isso. Ela carece de perdão, da misericórdia de Deus. Eu não sei quem é, mas já está perdoado em nome de Jesus", acrescentou.

Filha de Valdemiro, a cantora Juliana Santiago publicou em seu perfil do Instagram, uma foto do curativo sendo feito na nuca do pastor. (Imagem: Instagram)

Em seu perfil oficial do Instagram, Juliana Santiago - cantora e filha do pastor - publicou uma foto de Valdemiro Santiago com os pontos no pescoço e falou com mais detalhes sobre o livramento que seu pai teve na manhã deste domingo.

“Por volta das 7:00 nosso apóstolo Valdemiro foi cruelmente atacado pelas costas, num ato covarde. Um facão de aproximadamente 50/60cm completamente enferrujado. Não sabemos até aonde vai a maldade do ser humano. Uma pessoa que vive para cuidar de vida. Que literalmente dá a vida pelas pessoas... enfim, passando pelos exames. Foi suturado, muitos pontos. Passa bem, continuem orando. E agradecemos a todos as orações e votos de fé", desabafou.

"Obrigada. Desculpem as palavras. Estamos bem, mas às vezes é difícil entender certas atitudes do ser humano. Está perdoado por todos nós, mas não da justiça de Deus. Que Deus tenha misericórdia de quem o fez", acrescentou.

Imagens do agressor (esquerda) e da arma (direita) foram postadas nas mídias sociais por membros da igreja. (Imagens: Facebook)

O agressor - que ainda não teve seu nome divulgado - foi contido por seguranças e levado para a 8ª Delegacia Policial de São Paulo, após ser preso em flagrante. Ele responderá por tentativa de homicídio. 

veja também