Alexandre Magnani fala sobre o lançamento de seu CD 'Janela': "Celebração da amizade"

Falando com exclusividade ao Guiame, Magnani destacou suas expectativas para essas duas noites de lançamento e comentou um pouco mais sobre o seu ministério e seus pontos de vista, expostos em algumas das músicas de seus CD's.

fonte: Guiame, por João Neto

Atualizado: Segunda-feira, 15 Agosto de 2016 as 1:18

Alexandre Magnani é cantor, compositor e guitarrista. (Foto: Divulgação)
Alexandre Magnani é cantor, compositor e guitarrista. (Foto: Divulgação)

Celebrar a amizade. É assim que o cantor, compositor e guitarrista Alexandre Magnani quer fazer o lançamento oficial de seu mais novo CD "Janela", nos próximos dias 16 e 17 de agosto, em São Paulo (SP).

O músico já está celebrando a repercussão positiva do trabalho nas plataformas digitais, que alcançou as primeiras posições do Itunes, já na primeira semana de lançamento, em julho e agora espera reunir amigos e tantos outros que acompanham o seu ministério para duas grandes noites de muita música e celebração no Teatro Itália, em SP.

Falando com exclusividade ao Guiame, Magnani destacou suas expectativas para essas duas noites de lançamento e comentou um pouco mais sobre o seu ministério e seus pontos de vista, expostos em algumas das músicas de seus CD's.

Confira a entrevista logo abaixo:

Portal Guiame: Você lançou o CD "Janela" pela Sony nas plataformas digitais em julho e chegou às primeiras posições do Itunes já na semana de lançamento. Você imaginava que a repercussão fosse acontecer dessa forma? Já 'previa' isso de alguma forma?

Alexandre Magnani: Não imaginava e muito menos previa [risos]. O lançamento do “janela” nas digitais estava marcado para o dia 08 de julho. Por curiosidade consultei o iTunes na noite anterior (dia 07) ao lançamento e vi que o álbum já estava disponível. Comentei com o Baruk sobre isso e ele me incentivou a divulgar. Assim o fiz! Quando vi o “janela” estava entre os 20 no trends! Fui dormir e quando acordei no dia seguinte, minha esposa, Marcela Slobodticov, disse que meu álbum estava entre os 5 primeiros e no mesmo dia, horas depois, chegou ao 3˚ lugar, ao lado dos amigos Estevão Queiroga e Pedro Valença! Foi um dia incrível!!!

Portal Guiame: Na música "Mi Mi Mi em Sol Maior" você descreve um contexto bem atual, até mesmo no meio cristão: a necessidade de auto-afirmação. De que forma esta "epidemia" poderia ser curada?

Alexandre Magnani: Essa música foi feita em parceria com o Baruk, dentro de uma van, quando voltávamos de uma agenda. Boa parte da letra foi feita por ele, mas no final acabei sugerindo algo que talvez seja a solução para essa questão que levantamos. Deixo aqui esse final e que sirva de reflexão para todos nós: “Há sempre um recomeço pra quem quer mudar / Comece olhando para o espelho e pare logo de julgar”.

Portal Guiame: Seu novo clipe "Um Dia de Cada Vez" passa claramente um clima de leveza e simplicidade (tanto pela letra, como pelo cenário e roteiro). Como surgiu a ideia de fazer esta abordagem?

Alexandre Magnani: O “janela” tem essa proposta. O clipe foi conseqüência daquilo que acredito. A idéia era que fosse tudo minimalista, sem muita coisa acontecendo ao mesmo tempo, tanto na sonoridade, bem como na arte/capa. Quem dirigiu o clipe e pensou no roteiro foi o Nilton, que teve muita sensibilidade ao escutar a música e traduzir isso em imagem! A fotografia ficou por conta do Flau, que entendeu a proposta e mandou super bem! Ter a participação da Marcela Taís também colaborou para que a mensagem de viver “Um dia de Cada Vez” fosse passada de uma forma leve e simples. Enfim, tudo caminhou para isso e posso dizer que foi algo natural, sem dizer que na gravação Deus nos deu um dia lindo de sol! Foi perfeito!

Portal Guiame: No lançamento do seu CD, em SP você vai contar com duas participações especiais (em duas sessões diferentes): Marcela Taís e PC Baruk. Seria também uma celebração da amizade no palco?

Alexandre Magnani: Sem dúvida! A Marcela e o Baruk são grandes amigos. Faz alguns anos que conheço o Baruk e sempre fui um admirador do seu trabalho, além disso, tive o imenso prazer de acompanhá-lo na Banda Salluz, por dois (2) anos fui guitarrista da banda e aí nossa amizade se estreitou. Conheci a Marcela no lançamento do CD Graça, em agosto de 2014, quando ela participou na música “Ele Continua Sendo Bom” que tive o privilégio em assinar o arranjo. A partir daí continuei acompanhando o trabalho dela, até enfim convidá-la para participar do “janela”. Compartilhar do mesmo palco com eles será um grande privilégio pra mim!

veja também