Banda vencedora do Festival Gospel Music Café confessa: "Estamos sem reação"

O evento contou com a apresentação de 17 bandas finalistas e palestras de diretores de selos digitais.

fonte: Guiame

Atualizado: Segunda-feira, 28 Julho de 2014 as 3:29

No último sábado, 26/07, realizou-se no Estúdio Ao Vivo, em São Paulo (SP), o Festival Digital Gospel Music Café 2014.

O evento contou a participação das bandas / cantores: Abalo Sismico (RJ), Deybson Werick (RN), Eliene Nunes (DF), Felipe Santos (SP), Get (MA), Jardel Rodrigues (MG), Jessica Blanco (SP), Lae (SC), Latitude 31 (BA), Marcus Fernandes (SP), Rafaela Diniz (PE), Renovados (SP), Rethoryka (SP), RNA Rock (SP), Sarah Martins (MG), Único Caminho (DF) e a banda Verbo Divino (SP). Vencedora do da edição realizada em 2011, a banda Capítulo 1 abriu o evento.

Além das apresentações, o evento também dispôs de palestras sobre assuntos diversos, relacionados ao universo da música digital. Marcos Chomen (Business Development Latin America da CDBaby) e Mathieu Le Roux Diretor Geral (Deezer para América Latina) foram os convidados a compartilhar um pouco mais de seus conhecimentos sobre o assunto.

Já para analisar a performance das bandas e dos cantores solo, o festival convidou como jurados: Ricardo Carreras (Musile Digital), Vera Lucia (Um Digital), Pr. Gilsemar Silva (Canzion Music) e Thiago Teixeira (Salluz Digital).

O evento também contou com o apoio do Portal Guia-me, Aliança Distribuidora e Musile Records.

Os vencedores desta 14ª edição do Festival foram: Banda RNA Rock (primeiro lugar), Verbo Vivo (segundo lugar) e Lae (terceiro lugar).

Surpresa
Em entrevista exclusiva ao Guiame, o vocalista da banda RNA Rock, Renato falou sobre o sentimento de ter conquistado o primeiro lugar do Festival.

“Até agora não caiu a ficha, é algo que a gente não acreditava que viríamos e iríamos ganhar. Viemos para fazer o que estamos acostumados a fazer e a ficha não caiu ainda, estamos sem reação”, confessou.

O músico ainda destacou que o desejo de aprender e fazer novos contatos era comum a todos do grupo e estava acima das expectativas de alcançar o primeiro lugar no Festival.

“Quando chegamos aqui antes de subir, conversamos e falamos: ‘Não importa se vamos ganhar ou se vamos perder. É o primeiro festival que a gente participa, viemos para aprender e adiquirir experiência com isso e fazer o que estamos acostumados a fazer quando vamos tocar’. Ganhamos! Ainda não acredito!”, disse.

Oportunidade
Elogiando a performance das bandas que participaram do Festival, o idealizador do evento, Samuel Dias destacou que, apesar da classificação das bandas (primeiro, segundo e terceiro lugar), todos os grupos tiveram uma grande oportunidade: se apresentar diante dos diretores de quatro importantes selos digitais do mercado fonográfico cristão.

"Apresentações ao vivo, músicos excelentes, excelentes apresentações! Todos trouxeram seus CD's para deixar nas mãos dos jurados. Um só grupo saiu daqui com o contrato, que foi a 'RNA ROCK'. Mas outros dois deles estão com expectativas de serem contratados pela UM DIGITAL. Todos eles foram prestigiados, tiveram essa oportunidade de se apresentar pra mais de 4 selos digitais", explicou.

Planejamento
Ao ser questionado sobre as novidades que já podem ser adiantadas para a próxima edição do evento, Samuel explicou que que há não somente planos para a 15ª edição do Festival Digital, mas também eventos com outra proposta em mente.

"Estamos com idéias de dois projetos. Uma delas é promover aqui [estúdio ao vivo], o 'Gospel Music Café ACÚSTICO'. Este não seria exatamente um festival, mas sim um projeto mais específico: um pocket-show com umas 3 músicas pra gravar vídeo e fazer um projeto de coletânea também. A outra ideia já é a realização do próximo festival, em breve, com as parcerias de mais gravadoras, além daquelas que já nos apoiam, para podermos reforçar a 15ª edição", finalizou.

Em breve será possível conferir a coletânea deste Festival no Dezzer (plataforma de música digital).

Por João Neto - www.guiame.com.br 

*Colaborou com esta matéria: Guilherme Pilão

O evento contou com a apresentação de 17 bandas finalistas e palestras de diretores de selos digitais.

veja também