Ministério Unção de Deus lança 2º projeto da campanha contra o suicídio: "Confia"

O foco é passar uma mensagem de fé e esperança àqueles que por desespero pensam em acabar com a própria vida

fonte: Guiame, com informações da Assessoria de Imprensa

Atualizado: Quinta-feira, 12 Fevereiro de 2015 as 11:24

Campanha "Confia"
Campanha "Confia"

Ao final do mês de outubro de 2014, o Ministério Unção de Deus lançou a campanha "Confia, tudo já vai passar", que tem como objetivo transmitir uma mensagem de fé e esperança às pessoas que encontram-se desesperadas e chegam a pensar em suicídio. Agora, o grupo apresenta mais uma ação desta campanha, com a chamada "Não se mate".

O nome da campanha teve inspiração na música "Confia", que é tema do quarto CD do grupo, lançado em julho de 2014, pela MK Music.

Em sua igreja local (que também se chama Ministério Unção de Deus), o grupo convocou a todos para participar ativamente desta campanha. Ações evangelísticas têm sido realizadas, com faixas que trazem frases de impacto.

Falando sobre esta nova ação, o vocalista da banda, Rafael Novarine explicou é necessário que os cristãos continuem atentos para dados alarmantes sobre o suicídio que têm se apresentado em todo o país, ultimamente.

“As pessoas que nos acompanham nas Redes Sociais já viram essa frase. Já tem um tempo que publicamos: ‘Não se mate. Confia, tudo já vai passar’. Essa frase foi uma ideia da nossa backing vocal, Hosana Canabarro. Foi algo de Deus e ela compartilhou conosco. E mais recentemente, isso veio muito forte ao nosso coração. No dia 8 de janeiro de 2015, ministramos na 23ª edição do evento ‘Jesus Vida Verão’, que, neste ano, foi realizado na Praia de Itapoã, cidade de Vila Velha, Espírito Santo. Antes da ministração, tive a oportunidade de conversar com uma pessoa que me falou dos vários suicídios ocorridos especialmente na Terceira Ponte – que liga as cidades de Vitória e Vila Velha. Essa informação mexeu com todo o grupo. Durante a nossa apresentação no ‘Jesus Vida Verão’, levantamos as faixas (fotos) e oramos pelo Estado, pelo público que ali estava e para que, em nome de Jesus, não aconteçam mais suicídios. Sabemos que não será fácil, mas o Senhor colocou esse desafio em nosso coração. E estamos dispostos a lutar por essas pessoas que, em um momento de desespero, pensam em acabar com a própria vida”, ressalta.

Já em março de 2014, uma notícia da Redação Folha Vitória apresentou para casos de suicídio na capital do Espírito Santo.

“Psicólogos alertam para casos de suicídios na Terceira Ponte”, dizia a chamada da matéria.

O texto falava sobre os “recentes casos de homicídios seguidos de suicídios.

“Só na última segunda-feira (3) foram dois casos. À tarde, o cobrador de ônibus Jairo Alves dos Santos matou a mulher, Katiane Almeida da Silva Alves, a facadas e depois se jogou da Terceira Ponte. À noite, Aline dos Santos deu veneno para a filha Rayssa dos Santos Duarte beber e depois se atirou da ponte. Já no início de fevereiro, Gizele Rossi dos Santos, de 30 anos, foi morta a facadas pelo amante dentro do próprio carro na Terceira Ponte. Após o assassinato, o empresário Carlos Eduardo da Silva Barcelos, de 40 anos, se jogou da ponte”, informou as linhas.

Já segundo o Portal de Notícias da Rede Globo (G1) publicou em setembro de 2014, o “Brasil é o 8º país com mais suicídios no mundo, aponta relatório da OMS”.

“Como não se preocupar diante dessas informações?”, questionou Rafael Novarine.

O músico também acrescentou que todos precisam ajudar, no mínimo, com orações.

“Nós, do Unção de Deus, já nos posicionamos com orações e atitudes a favor de tantas pessoas que pensam em tirar a própria vida. E a nova campanha do ministério – ‘Não se mate. Confia, tudo já vai passar’ – é a nossa demonstração prática de amor a essas pessoas”, destacou.

Para saber mais sobre esta campanha, envie um email para [email protected].

veja também