"Ver que falta água potável me deixou chocado", diz DJ cristão sobre sertão baiano

"Ver que algumas das cidades nem possuem água potável me deixou chocado", diz DJ cristão sobre sertão baiano.

fonte: Guiame, com informações da assessoria

Atualizado: Terça-feira, 5 Abril de 2016 as 12:08

"Estar ali e ver a situação daquelas pessoas é algo bem mais forte", disse. (Foto: Arquivo Pessoal).
"Estar ali e ver a situação daquelas pessoas é algo bem mais forte", disse. (Foto: Arquivo Pessoal).

O DJ Matheus Lazaretti esteve em turnê pelo sertão da Bahia no início do ano e conta que sua passagem pelo local lhe reservou muitas surpresas, muitas delas muito chocantes. Com apenas 18 anos e muito carisma, Lazaretti já tem uma intensa agenda de shows e grandes projetos. Em uma calorosa recepção, o DJ ficou do dia 15 a 22 de janeiro no estado.

Segundo Matheus, em uma cidade com 2.000 habitantes, apenas 45 pessoas eram cristãs. Em uma noite da caravana, na cidade de Igarité (BA), cerca de 700 pessoas se reuniram e mais de 400 aceitaram Jesus.

Matheus afirma que isso é o mais importante em todo o seu trabalho: “Entendo que ser um canal de Deus para conduzir as pessoas a Jesus, para que tenham um real encontro com Ele é o verdadeiro sentido do meu trabalho, do dom que Deus me deu. O fazer por fazer é uma obra sem muito sentido. Agradeço ao Senhor e peço a Ele que me conduza sempre por sua perfeita vontade. Quero ser um exemplo cristão para os jovens”, ressaltou.

Ainda de acordo com Lazaretti, os dias de ministração no sertão baiano foram um tempo de grande aprendizado, crescimento e maturidade para todos. Ele afirma que já sabia sobre a situação precária das cidades por onde passaria, mas a realidade vista de perto o impactou: “Estamos acostumados com água limpa, pura, e ver que algumas das cidades nem possuem água potável, mas apenas uma água barrenta, me deixou chocado”, disse.

“Sabemos que isso existe, mas estar ali e ver a situação daquelas pessoas é algo bem mais forte. Espero que um dia todos possam ter acesso a água de qualidade, mas, acima de tudo, vimos o quanto as pessoas precisam da Água da Vida, que é Jesus. O bom é que temos grandes projetos para 2016, sempre acreditando que eles vão abençoar muita gente”, comentou.

Tour Brasileira

Vários estados do Brasil já receberam a turnê #SantidadeMinhaBalada, como São Paulo, Goiás, Santa Catarina, Minas Gerais, Distrito Federal, Bahia e Amazonas, lugares onde o DJ ainda pretende retornar neste ano. Algo bem marcante no ministério de Lazaretti e que o deixa muito feliz é o fato de que, em tão pouco tempo do lançamento do CD “Santidade Minha Balada”, o público jovem já canta e marca presença nos eventos por onde ele passa.

Estudos em dia

No final de 2015, o gaúcho encerrou o 3º grau do Ensino Médio. Mesmo com uma agenda cheia ele não se descuidou dos estudos. Agora ele diz que que pretende fazer uma faculdade, pois “o conhecimento é um tesouro que ninguém pode nos tirar”, afirma sorrindo. Matheus conta que as obrigações com a escola lhe tomavam muito tempo, e que, agora, terminada essa etapa, está mais fácil conciliar a agenda ministerial com o seu dia a dia.

Sobre o cansaço de tantas viagens e apresentações, o DJ afirma que até mesmo esse cansaço traz um gostinho de dever cumprido, porque “é muito bom saber que estamos cansados porque fizemos o que deveria ser feito, é ou não é?”, ele diz e pergunta dando uma boa risada.

Matheus está sempre interessado em fazer algo que toque o coração das pessoas ao seu redor, principalmente, do público jovem. Assim, seus novos projetos para este ano estão a todo vapor: “Nossa Tour #SantidadeMinhaBalada 2016 está vindo com muitas novidades, muita interação audiovisual, novos projetos e remix das músicas do nosso ministério para apresentação live e muitos efeitos especiais”, ressalvou.

Ainda há novidades para quem acompanha o garoto pela web. “Para a galera da internet, preparamos novos videoclipes! Ah! Sem falar no livro ‘Santidade Minha Balada, que está finalizado e será lançado em breve. Nele, compartilho muitas das minhas experiências como jovem e que, hoje, tenho a oportunidade de compartilhar com os jovens da minha geração! Entre os assuntos abordados, estão sexualidade e relacionamento, tratando daquelas dúvidas como ‘isso pode ou não pode? Aguardem!”

Confira como foi a passagem de Matheus pelo sertão

veja também