MENU

Na Paraíba, Cássio Cunha Lima e Ricardo Coutinho disputam 2º turno

Diferença entre os dois foi de apenas 1,39 ponto percentual. Na última pesquisa do Ibope, os dois apareciam empatados.

fonte: Globo.com

Atualizado: Segunda-feira, 6 Outubro de 2014 as 9:20

Cássio Cunha Lima (PSDB) e Ricardo Coutinho (PSB) vão disputar o segundo turno na eleição para governador da Paraíba. A diferença entre os dois foi de apenas 1,39 ponto percentual (o que equivale a 28.388 votos), com Cássio registrando 47,44% dos votos válidos (um total de 965.397) e Ricardo, 46,05% (o equivalente a 937.009).

Cássio nunca perdeu uma eleição. Ele é advogado e começou a carreira política aos 23 anos como um dos mais jovens deputados Constituintes. Em 1989, ele foi eleito prefeito de Campina Grande pela primeira vez, mas renunciou ao mandato em 1992 para ser superintendente da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), de onde saiu em 1994.

Ele voltou a ser deputado federal, e foi mais duas vezes prefeito de Campina Grande. Foi ainda governador da Paraíba por dois mandatos – o segundo deles foi cassado em 2009. Mas a Justiça Eleitoral liberou tanto sua candidatura a senador em 2012, que foi vitoriosa, quanto a de governador neste ano.

Ricardo iniciou a carreira política nos movimentos estudantis e sindicais. Foi candidato a deputado estadual em 1990, mas não conseguiu a vaga, ficando apenas na suplência. Dois anos depois, foi eleito vereador de João Pessoa. Em 1994, tentou novamente uma vaga na Assembleia Legislativa, mas voltou a ficar com a suplência. Em 1996, foi eleito para o cargo de vereador.

Em seguida, em 1998, foi candidato novamente ao cargo de deputado estadual, sendo que, dessa vez, foi eleito, se reelegendo em 2002. Se candidatou ao cargo de prefeito de João Pessoa, em 2004, e venceu logo no primeiro turno. Em 2008 foi reeleito, mas renunciou ao cargo para tentar ser governador da Paraíba. Ele derrotou José Maranhão no pleito e tomou posse no Governo em janeiro de 2009.

Discursos
Em seu discurso de comemoração, Cássio Cunha Lima enfatizou que saiu do primeiro turno vitorioso. "É momento de louvar a Deus, agradecer por mais essa vitória e conclamar a todos os paraibanos para que juntos possamos consolidar a nossa vitória também no segundo turno. Vencemos o primeiro turno e, com as bênçãos de Deus, com a vontade do povo da Paraíba, vamos vencer também o segundo turno", disse.

Em entrevista coletiva, Ricardo Coutinho avaliou como bom o resultado nas urnas e agradeceu o apoio que recebeu, especialmente em cidades como Bayeux, Sousa, Cajazeiras e Patos. “Isso pra mim foi uma vitória independente de quem seja o candidato [adversário]. Se o resultado fosse qualquer outro, pra mim seria uma vitória muito grande porque demonstra que esse é o caminho de pessoas que querem mudar este estado”, afirmou.

Propostas
Em sua campanha, Cássio enfatizou que vai dar continuidade ao projeto iniciado em 2003. Ele prometeu dotar todos os municípios com pelo menos um acesso asfaltado, além de manutenção das estradas existentes, adoção do Cheque Moradia, criação de um anel rodoviário da região metropolitana de João Pessoa e de Campina Grande, Choque de Gestão resgatando a meritocracia, transparência para as compras governamentais.

Cássio prometeu prioridade para a universalização do saneamento básico, acessibilidade ao SUS com humanização no atendimento e valorização profissional. Na segurança, disse que melhorará a gestão penitenciária com foco na capacitação dos agentes, com política permanente de ressocialização e uso das novas tecnologias disponíveis. Ele garantiu ainda a prevenção, aumento de efetivos, inteligência, modernização, valorização da carreira do policial aliada ao incentivo por uma cultura de paz.

Ricardo, por sua vez, se comprometeu a construir 10 escolas técnicas, dobrar piso salarial do magistério, criar mestrado para professores e passe livre para alunos do nível médio. Ele também quer interligar todas as regiões do Estado e restaurar mais de 2 mil km de estradas, implantar o Anel Metropolitano, ligando a BR-230 a Forte Velho e construir a ponte Lucena-Forte Velho. Prometeu construir 40 mil casas seguindo conceitos de habitabilidade, o Hospital de Trauma do Sertão, além de abrir o Metropolitano de Santa Rita.

Na área da segurança, Ricardo quer ampliar o programa Paraíba pela Paz, modernizar delegacias, convocar novos policiais e adquirir mais 2 helicópteros e equipamentos. Quanto ao Sistema Penitenciário, ele quer construir um novo pavilhão no Presídio do Roger para 250 detentos.

Campanha
Nas pesquisas de intenção de voto do Ibope, Cássio começou na frente, com 47% contra 33% de Ricardo no dia 1º de setembro. No segundo levantamento, divulgado em 19 de setembro, Ricardo diminuiu a diferença, subindo para 37% e Cássio caindo para 42%. Na última pesquisa, que saiu neste sábado (4), os dois apareceram empatados com 42% dos votos.

Resultado final
Um total de 500.260 eleitores não compareceram às urnas na Paraíba, de acordo com os dados finais da apuração. Esse número representa 17,65% do eleitorado. Somados, os votos brancos e nulos representam 12,84% do total de votos apurados.

Confira votação dos candidatos
Cássio Cunha Lima (PSDB) - 47,44%
Ricardo Coutinho (PSB) - 46.05%
Vital (PMDB) - 5,22%
Major Fábio (PROS) - 0,73%
Antônio Radical (PSTU) - 0,43%
Tárcio Teixeira (PSOL) - 0,13%

veja também