MENU

Colombiano agredido no Rio Grande do Sul diz que nunca mais volta ao Brasil

Colombiano agredido no Rio Grande do Sul diz que nunca mais volta ao Brasil

fonte: Globo.com

Atualizado: Sexta-feira, 13 Junho de 2014 as 10:26

colombianoA primeira semana da Copa do Mundo deve ser a última no Brasil do chef de cozinha colombiano José Daniel Menezes, de 32 anos. O turista relatou ter sido agredido, sem motivo aparente, por cinco homens em frente ao Acampamento Farroupilha, em Porto Alegre, na noite de quinta-feira (12). Já na madrugada de sexta (13), com cortes na boca e a roupa ensanguentada, o estrangeiro disse que pretende ir embora: "Nunca mais volto para cá".

Segundo Menezes, o fato aconteceu por volta das 20h, depois do jogo entre Brasil e Croácia, que ele conferiu da Fan Fest, da Fifa, no Anfiteatro Pôr do Sol. O colombiano também reclamou da omissão da polícia em prestar o atendimento. "Trataram os agressores como se fossem heróis", disse.

O turista tem cidadania americana e mora em Miami. Ele diz que estava no Brasil para dar aulas sobre comida orgânica, e não comprou nenhum ingresso para a Copa. A ideia era ficar oito dias no país.

O estrangeiro também revelou que já viajou para vários países, como México, Costa Rica e Bahamas, mas nunca passou por uma situação semelhante. "Esta é a primeira e a última vez que venho para o Brasil. Quero ir embora amanhã mesmo. Já haviam me falado que o país era perigoso, mas não imaginava assim", contou.

Depois de prestar depoimento na Academia Integrada da Segurança Pública (Acisp), Menezes foi encaminhado ao Hospital de Pronto-Socorro. Após cerca de 1 hora, ele foi atendido e liberado. O turista está hospedado em um hotel no bairro Partenon, na Zona Leste de Porto Alegre.

O G1 entrou em contato com a Acisp, que informou que dados de ocorrências só seriam repassados pela divisão de comunicação da Polícia Civil. As chamadas para o telefone do plantão da divisão de comunicação não foram atendidas.

veja também