MENU

Pais são presos após acusações de deixar filha bebê morrer de fome

fonte: O GLOBO

Atualizado: Quarta-feira, 17 Setembro de 2014 as 10

Pais da bebê Fabiane Lourenço da Silva, de apenas dois meses, Andrea Lourenço da Silva, de 39 anos, e Fábio Teixeira da Silva, de 44, foram presos em flagrante pela morte da filha. A menina morreu de desnutrição, após ficar dias sem mamar no peito. O laudo foi confirmado pelo Hospital Infantil de Duque de Caxias, depois que a menina deu entrada na unidade, na tarde do último domingo, pálida e gelada.

Andrea e Fabio foram autuados por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. O casal, que morava com Fabiane e mais duas filhas no bairro Piam, em Belford Roxo, não tinha trabalho fixo e vivia de bicos.

— Qualquer dinheiro que ganhavam, eles gastavam com drogas e bebidas. Eu cansei de pedir para ela mudar de vida, mas não adiantava nada. E os filhos ficavam completamente abandonados — comenta uma tia, que preferiu não se identificar.

Além das três filhas, eles ainda são pais de um adolescente de 18 anos, que vive nas ruas desde os 12. Segundo os parentes, os pais nunca deram atenção ao menino.

— A gente já tentou abrigá-lo, mas não adiantava, ele acabava voltando para a rua — comenta a prima Claúdia da Silva, que tentou ficar com Fabiane: — Eu cheguei a pedir para a Andrea me dar a criança, porque eu cuidaria com o meu marido, mas ela não quis. E não foi só eu quem pediu, não. Os vizinhos também queriam.

De acordo com o delegado titular da 54ª DP (Belford Roxo), Luiz Henrique Guimarães, os pais podem pegar até 30 anos de prisão.

 

veja também