MENU

Pesquisa do IBGE mostra que mais de 700 mil brasileiros deixaram região Nordeste em 5 ano

Bahia e Maranhão encabeçam lista de Estados que mais perdem população de 2005 a 2010

fonte: R7

Atualizado: Sexta-feira, 31 Outubro de 2014 as 12:58

O Nordeste foi a única região do País que perdeu população entre 2005 e 2010. De acordo com estudo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgado nesta sexta-feira (31), 701.077 nordestinos deixaram a região neste período para viver nas outras quatro regiões do País ou no exterior.

Os homens são protagonistas dessa migração: no total, 379,2 mil pessoas. As mulheres que saíram do Nordeste no período totalizam 321,8 mil pessoas. Os dados constam dasEstatísticas de Gênero 2014 - Uma análise dos resultados do Censo Demográfico 2010.

Os Estados nordestinos que mais perderam população foram a Bahia, Maranhão, Alagoas e Pernambuco. Cerca de 237,1 mil baianos deixaram o Estado rumo a outras regiões, seguidos por 164,9 mil maranhenses, 76,7 mil alagoanos e 75 mil pernambucanos.

As outras regiões do País absorveram grande parte dessas pessoas. Segundo o IBGE, o Sudeste recebeu 325 mil pessoas, seguido pelo Centro-Oeste (262 mil pessoas), Sul (76 mil pessoas) e Norte (36 mil pessoas).

São Paulo foi o Estado que mais absorveu migrantes, com 255.796 pessoas a mais em sua população entre os anos de 2005 e 2010. Goiás está na segunda posição, com a absorção de 107.826 pessoas. Santa Catarina é o terceiro Estado que mais recebeu migrantes no período: 172.452.

Considerando as capitais brasileiras, de acordo com o IBGE, “houve ganho de população em Palmas, Porto Velho, Florianópolis, Macapá, Boa Vista, Manaus, Campo Grande e João Pessoa, para ambos sexos, e, em Aracaju, somente para as mulheres. Nos demais municípios das capitais, o saldo migratório foi negativo, com perda de homens e mulheres”.

 

 

veja também