MacBook Pro com tela retina e iMac mais fino se destacam

Apple aposta em alta resolução para notebooks e revitaliza desktops

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:10

 

No lugar de concertos e musicais, o Califórnia Theatre, em San Jose, foi palco de uma série de anúncios de produtos da Apple. Além do esperado iPad mini e do iPad 4, a empresa apresentou novos personagens ao elenco de notebooks e desktops, na terça-feira (23).
 
“Esse tem sido um ano incrível. Um ano de inovação para a Apple”, disse o presidente da empresa, Tim Cook, durante o evento, que começou com o anúncio da tela retina, de alta definição, na linha de notebooks MacBook Pro. A tela do modelo de 13 polegadas foi apresentada com resolução de 2560 x 1600 pixels, enquanto o notebook de 15 polegadas ganhou 2880 x 1800. Os dois modelos contam com processador Core i7, da Intel, e armazenamento em flash.
 
A empresa também reduziu as dimensões dos notebooks. O MacBook de 13 polegadas está 20% mais fino e meio quilo mais leve em relação ao antecessor. Já os preços estão mais pesados. No Brasil, o novo MacBook Pro com tela retina é vendido por R$ 7 mil, enquanto seu antecessor custa R$ 4 mil. O equipamento com tela de 15 polegadas custa R$ 10 mil e o anterior sai por R$ 8 mil.
 
Na linha iMac, a Apple surpreendeu com a espessura de apenas 5 milímetros do desktop “tudo em um". Antes de apresentar a novidade, Phil Schiller, vice-presidente sênior de marketing da empresa, mostrou a evolução da família desde o lançamento dos primeiros modelos coloridos e translúcidos, em 1998.
 
Schiller destacou a nova tecnologia de armazenamento Fusion Drive, como opção para a linha iMac. “Você tem a performance da memória flash com a capacidade do HDD [disco rígido]”, explicou Schiller. Na prática, o Fusion identifica e grava na memória flash os arquivos e programas mais acessados pelo usuário, enquanto outras informações ficam guardadas em um disco rígido (HDD).
Os novos iMacs, que podem ser equipados com processador Core i5 ou Core i7, serão lançados em dois tamanhos: 21,5 polegadas, que chega em novembro por partir de US$ 1.300, e 27 polegadas, com preço inicial de US$ 1.800 e previsão de lançamento em dezembro deste ano.
 
Espera pelo 'mini'
O desktop portátil Mac mini também ganhou uma versão turbinada, com opções de processadores Core i5 e i7 duas vezes mais rápidos em relação à linha anterior. “Vocês estavam esperando por algo 'mini' nesta apresentação...”, disse Schiller brincando com a plateia sobre a expectativa sobre o iPad mini, anunciado no final do evento.
 
A tecnologia Fusion Drive também é oferecida no computador que mede 20 centímetros de largura por 3,6 cm. O consumidor pode configurá-lo com armazenamento em disco rígido de 500 GB ou 1 Terabyte e armazenamento em flash de até 256 GB. O preço sugerido inicial é de R$ 2.500 no Brasil e de US$ 600 nos Estados Unidos.
 
Siga-nos

Mais do Guiame