Não fale...

Eu quero dizer de boca cheia que conheço Deus e Sua Palavra!

fonte: Não Morda a Maçã

Atualizado: Quarta-feira, 10 Setembro de 2014 as 8:44

silêncioQuem escreve na coluna Musicalize é o Fe Luiz, mas puxa, tenho ouvido essa música e tomado voadora na nuca pensado muito nela, quero compartilhar com vocês hoje, ela se chama “Não Fale” – Os Arrais.

Abaixo a letra:

“Não fale que o conhece se o esquece em cada esquina
Não fale que o encontra nas suas ondas de fé e não na palavra, não na palavra
Que falta hoje é fé na palavra, que muda quem eu sou não deixa nada
Amando o que é de Deus deixando o mal que tanto amei

Pois se tenho a Cristo tenho a verdade, sim
No ‘assim diz o Senhor’ e não no ‘eu acho que’

Não fale que o conhece se o esquece em cada esquina
Não fale que o encontra nas suas ondas de fé e não na palavra, não na palavra
Que mais há hoje é graça sem juízo, que traga amor e paz sem compromisso
Seguindo tradições de homens não de Cristo

Pois se tenho a Cristo tenho a verdade, sim
No ‘assim diz o Senhor’ e não no ‘eu sinto que’

Não fale que o conhece se o esquece em cada esquina
Não fale que o encontra nas suas ondas de fé e não na palavra, não na palavra”

Forte, não é mesmo?

Basicamente a letra diz algumas verdades que são realidades, infelizmente, na vida de muitos de nós: as vezes colocamos Deus de lado e não temos comunhão com a Palavra!

Sim, verdade dura de acreditar, mas é o que realmente acontece. Hoje a maioria de nós é movida de “acampamentos em acampamentos”, isto é, só tem experiências com Deus em retiros, acampamentos ou em eventos especiais onde “Deus desce do Céu”! Mas… será que tem que ser assim mesmo? Deus está presente em cada dia e minuto de nossas vidas, em cada culto, em cada pregação, em cada ministração de louvor – independentemente de que é que prega ou ministra – nós só não O percebemos porque muitas vezes não temos a expectativa de encontrá-Lo! É essa a diferença de um culto “normal” para o que acontece em eventos “especiais”: nos eventos vamos animados e nos cultos vamos “mais uma vez” e realmente esquecemos de Deus ao virar a esquina da Igreja.

Hoje temos uma geração “fast food” que quer tudo rápido e pronto de Deus, mas não é bem assim que funciona! Queremos milagres, curas, portas abertas, enviados de Deus, princípes e princesas encantadas, mas não queremos o Deus que provê sim todas essas coisas, mas Ele não é e não faz só isso! Meu antigo pastor costumava dizer que “os cristãos querem só namorar com Deus, casar eles não querem”, ou seja, queremos só as coisas boas de Deus mas não queremos o compromisso que é necessário para conhecê-Lo de verdade, para viver com Ele e andar com Ele!

Sem falar que nossas semanas voam em tarefas, trabalhos, encontros com pessoas, metas para serem batidas, notas a serem atingidas… e tanto a Bíblia quanto aquele momento de oração passam batidos e acabamos fazendo isso somente na Igreja mesmo. Como então podemos conhecer a Deus? Como podemos desbravar a riqueza do saber e conhecer de Deus? No meu último post aqui no blog falei do filme “Deus não está morto“, você pode ler aqui, como poderemos ter razões para justificar nossa fé se não conhecemos a Deus e se não lemos a Palavra???

É preciso ter coragem pra ser cristão e ler a Palavra porque ela nos confronta e mostra o “podre” dentro de nós, mas se deixarmos ela também pode nos transformar!

Bom, eu quero dizer de boca cheia que conheço Deus e Sua Palavra!

Mas só desejo não é suficiente se ele não vier acompanhado de um plano de ação e ele deve começar pequeno para ir aumentando. Então proponho a nós que, independente de quão maluca a nossa rotina seja, nós leiamos UM CAPÍTULO por dia por 15 dias seguidos, até meu próximo post aqui. E também paremos para orar no mínimo 1,5 minuto por dia.

Topa?

Pode parecer pouco, mas é um começo! E o objetivo não é quantidade mas sim gerar hábito, se você conseguir ler e orar mais ok, mas foque em manter o hábito pelos 15 dias.

No próximo post vamos retomar o assunto e você pode comentar como foram estes 15 dias. Uma coisa que gosto de fazer é anotar o que sinto e penso quando leio a Bíblia e quando oro, as vezes Deus se comunica conosco e nós nem percebemos! Então dá uma olhada neste outro post para te ajudar a identificar se Deus está se comunicando com você e você nem está percebendo!

Abração e Deus abençoe!

Com Amor,


- Samuel Oliveira

 

veja também