Nutricionista mostra como conservar ovos de Páscoa

Nutricionista mostra como conservar ovos de Páscoa

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quarta-feira, 23 Abril de 2014 as 3:14

Após o almoço, sempre bate uma vontade de comer um docinho e com o fim da Páscoa, os chocolates que sobraram podem ser consumidos por mais tempo, desde que conservados bem. 
Segundo a nutricionista Camila Rodrigues, de Tatuí (SP), as sobras, ou até mesmo os produtos em embalagens fechadas, devem receber atenção especial para não estragarem. Ela recomenda que os ovos recheados sejam os primeiros consumidos, pois têm ingredientes perecíveis. “Geralmente eles têm doce de leite, brigadeiro, chocolate que leva mais leite e trufas, então, isso os torna bem mais perecíveis”, alerta.

ovo de pascoaOutra observação é sobre o armazenamento dos produtos que já foram abertos. Segundo Rodrigues, eles devem ser colocados em recipientes de plástico ou de vidro e que fiquem bem fechados. “Para qualquer ovo após aberto, sendo recheado ou não, industrializado ou caseiro, eu devo retirá-lo da embalagem original, embrulhá-lo em papel alumínio, e depois colocar nesses recipientes. Outro cuidado é manter esse recipiente em local lindo, seco, arejado, e que tenha uma boa ventilação. Também o local não pode ter temperatura muito elevada. Além disso, não deixar os ovos próximos a produtos com odor forte porque pode passar esse odor para o chocolate”, recomenda.

A nutricionista ainda alerta para que mesmo com vuidados, vale olhar a data de validade. Os chocolates recheados devem ser consumidos em um prazo de sete dias. Já os simples, em até 30 dias. Já a geladeira deve ser usada só em último caso. Ela ainda afirma que a umidade e a baixa temperatura podem modificar o sabor do produto. A dica para as sobras ainda é usar em receitas de bolo, mousse e calda de sorvete.

 

Com informações de: G1

veja também