Clima e perfume da cidade maravilhosa inspira perfume

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quarta-feira, 13 Agosto de 2014 as 10:27

Cidade destaque mundial, o Rio de Janeiro é arcado por uma série de perfume natural para muitos que visitaram a cidade. As referências que dão personalidade ao Rio vão além das modinhas de verão e dos guias de turismo, despertando o interesse até mesmo de perfumistas, que, têm se dedicado a desvendar a memória olfativa da cidade para transformá-la em fragrâncias.

rio,perfume,belezaPensando nisso, o Boticário e L'Eau de Riô duas marcas a usar a cidade como inspiração para perfumes. Para encontrar os cheiros que protagonizam a linha “Rio, eu te amo”, que o Boticário lança amanhã, perfumistas de quatro casas de fragrâncias internacionais (Firmenich, IFF, Givaudan e Symrise) “engarrafaram” os odores de lugares como Jardim Botânico, Floresta da Tijuca, Lapa, Arpoador e Praia de Copacabana. Por meio da técnica do headspace, eles visitaram estes pontos turísticos da cidade, captando os aromas com uma máquina que sintetiza e traduz as matérias-primas componentes de cada cheiro.

"A equipe foi ao calçadão do Leblon bem cedo, para não ter interferência da poluição dos carros no horário de rush", explica a perfumista Verônica Casanova, da IFF. "O cheiro que captamos é da brisa que vem do mar e bate nas pedras".

Para o processo de criação dos perfumes, contaram com a opinião dos cariocas, que enviaram 13 mil imagens e frases, uma espécie de inspiração para os perfumistas na etapa que antecedeu o desenvolvimento de oito perfumes. Em seguida, 35 mil pessoas votaram nas quatro melhores fragrâncias (três femininas e uma masculina) que serão comercializadas.

Esta não é a primeira vez que a cidade inspira a perfumaria. A marca L’Eau de Riô nasceu em 2012, em parceria com a europeia Firmenich. As cinco colônias têm como referências Arpoador, Jardim Botânico, Pedro Bonita, Paraty e a Avenida Atlântica. Estão no Le Bon Marché, em Paris. Até o final do ano, a L’Eau de Riô vai lançar uma nova coleção de fragrâncias:
"Quando criamos a primeira coleção, vimos que não havia nenhuma marca de cosméticos premium que tivesse traduzido o savoir-faire carioca com propriedade e cuidado", diz o sócio Marc Hoffman.


Com informações de: Ela

 

veja também