Saiba como o alisamento pode durar mais no verão

Faça com que o seu alisamento dure na próxima estação.

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Terça-feira, 9 Dezembro de 2014 as 4:29

Não uma mulher que desejo cabelos lisos. Atualmente, existem diversas técnicas que ajudam a conquistar o cabelo dos sonhos. Não basta adquirir o efeito liso, é preciso usar os cuidados necessários para o que o fios mantenham o efeito por mais tempo, principalmente no verão.

Maneira correta de lavar: Ficar lavando com muita frequência pode fazer com que a sua progressiva saia mais rápido e na temporada de calor é comum que a frequência de lavagens aumente. “O CORRETO É LAVAR DIA SIM, DIA NÃO, porque o cabelo demora entre 24 e 26 horas para secar totalmente ao natural”, explica o cabeleireiro Adalto Couto, do salão Fino Capelli.

Existe o mito de que é necessário lavar os fios com os xampus sem sal, mas nem sempre essa é a solução: “O iodato é primordial, porque ele faz a parte da espuma e a assepsia do couro cabeludo. O que você realmente precisa é de produtos próprios para alisamento e que sejam emolientes e nutritivos”.

alisamentoHidratação recomendada: Hidratar o cabelo é indispensável ao se passar por qualquer procedimento químico, assim como uma boa reconstrução. “Após o processo químico é superimportante a reconstrução da haste (fio). A queratina ou produtos que contenham queratina são bastante recomendáveis. Além de deixar o cabelo com um aspecto melhor, repõe a massa capilar perdida com o processo, dessa forma o cabelo não ficará tão elástico. Porém é importante que a reconstrução seja feita por um profissional da área, pois o excesso de queratina também provoca danos, como quebra”, revela a tricologista Alexandra Gonçalves, da Clínica Les Peaux.

Couto indica hidratar no salão a cada 20 dias e fazer a manutenção em casa. “A pausa pode ser de no máximo 30 dias, acrescida de máscaras de tratamento em casa uma vez por semana”, completa.

Proteção sempre: Se for passar o dia na praia ou piscina, invista em um bom protetor ou leave-in, essenciais para a durabilidade do seu alisamento e proteção das madeixas. “Elas são muito necessárias e hoje tem muitas várias disponíveis, de todos os preços. E não é apenas no verão: em qualquer momento que você vá à praia, tem que pensar nele como um protetor para a pele. Não use cremes para pentear quando estiver nesses locais, porque quando ele não é retirado e esquenta com o sol acontece a reação enzimática, que faz um dano maior ao fio”, alerta Couto.

Demais cuidados: Se as pontas ficaram enrijecidas ou finas demais a melhor alternativa é usar a tesoura, como conta Alexandra: “Após os alisamentos é importante CORTAR UM POUCO AS PONTAS para que não fiquem parecendo saturadas e mal cuidadas”.

Alisamento certo: Ainda não fez o seu? A tricologista diz que donas de cabelos finos devem optar pelos alisamentos à base de tioglicolato de amônia. “Para os grossos ou crespos são indicados HIDRÓXIDOS DE SÓDIO E GUANIDINA e para os ondulados os de tioglicolato de amônia ou o hidróxido de guanidina”, complementa.

Arrependimento. O que fazer?

Se o arrependimento bater, é aguentar o período de transição e aguardar que os fios retornem ao normal. “O primeiro passo é deixar de aplicar qualquer química e não fazer mais escovas e chapinhas. O uso frequente desses acessórios promove o alisamento dos fios e impede que o cabelo volte à sua estrutura natural”, explica Soraia Ferreti, diretora da rede de salões Lunablu. Outra opção é optar pelo Big Chop, o corte radical que remove todo o comprimento com o alisamento.


com informações de: Daquidali

veja também