10 motivos para comer chocolate

Alimento preferido de crianças e adultos possui grandes ótimos benefícios para consumo.

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quarta-feira, 17 Dezembro de 2014 as 3:30

Considerado um vilão para consumo, o chocolate ao contrário do que muitos pensam possui bons motivos para incluir na dieta diária. Segundo a  nutricionista Sophie Deram, doutora em endocrinologia pela USP e autora do livro "O peso das dietas" (Editora Sensus), o chocolate faz muito bem à saúde.

A especialista defende a importância de comer com prazer (o que é diferente de comer com gula) e afirma que o comportamento na hora de se alimentar é tão importante quanto os nutrientes. Em seu livro, ela conta que há há uma história que ilustra essa opinião: "Em um estudo, quando a pergunta foi o que o bolo de chocolate significava, as americanas responderam engordar, culpa e gordura; as francesas responderam festa, aniversário, prazer! O mesmo bolo de chocolate, comido com culpa em vez de ser degustado ou consumido com alegria e prazer, não tem o mesmo resultado no corpo. Está confirmado que o estado de estresse no qual você se acha na hora de comer influencia na sua digestão ou seu metabolismo. Então, coma com prazer e tranquilidade".

A nutricionista listou os benefícios que mostra que o chocolate  não só pode, como deve, ser consumido. Porém, ela alerta que a maioria das pesquisas foi feita com chocolate meio amargo, com 60 a 70% de cacau, e deve ser essa a opção dos fãs do chocolate.

Confira os benefícios.

Contém antioxidantes: "A fruta da árvore do cacau contém polifenóis e flavonóides com uma capacidade antioxidante ainda mais elevada do que a maioria das frutas", diz.

chocolateMelhora a saúde cardiovascular: "O consumo moderado de chocolate está associado à redução do risco de insuficiência cardíaca, doença cardíaca em geral, hipertensão, além de melhorar a saúde vascular".

Evita doenças metabólicas: "Os flavonóides protegem contra diabetes tipo 2 e inflamações".

Cuida do cérebro: "Um consumo moderado reduz o risco de acidente vascular cerebral, também por causa dos flavonóides".

Estimula a memória: "O consumo de cacau pode estar associado à melhora da circulação sanguínea no cérebro e da memória, além de ser uma proteção contra Alzheimer".

Restaura a força muscular: "A epicatequina, composto da família dos flavonóides presente no cacau e no chocolate escuro, melhora o desempenho muscular e evita a fadiga".

Ajuda a manter o IMC baixo: "Quando consumido com moderação, o chocolate tem sido associado a um menor índice de massa corporal (IMC), independente da idade, da prática de exercício ou de outros fatores. Mas em excesso há o risco de aumentar o IMC".

Protege do sol: "Ainda não está confirmado, mas uma pesquisa sugeriu que o consumo regular de chocolate escuro pode oferecer uma proteção complementar contra a radiação ultravioleta".

Previne a tosse: "Um pouco de chocolate pode ajudar a prevenir a tosse, assim como o mel, por causa da presença de teobromina".

Melhora o humor: "Comer chocolate faz com que o cérebro aumente a serotonina e a dopamina, hormônios que geram prazer e bem-estar".


com informações de: Bolsa de Mulher

veja também