Aumenta o número de doadores de órgãos no Brasil

Em 6 anos, porcentagem saltou para 89,7%.

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quinta-feira, 25 Setembro de 2014 as 11:04

O Ministério da Saúde divulgou na última quarta-feira, 25, que o número de doadores efetivos de órgãos no Brasil saltou 89,7% nos últimos seis anos, de 1.350 em 2008 para 2.562 em 2013, em uma cerimônia de lançamento de uma campanha para alertar as famílias a autorizar esse tipo de doações.

Com o aumento, a taxa de doação de órgãos no Brasil subisse de 5,8 doadores por milhão de habitantes em 2008 para 13,4 no ano passado.

"No fim deste ano alcançaremos a nossa meta de chegar a uma taxa de 14 doadores por milhão de habitantes", afirmou o coordenador geral do Sistema Nacional de Transplantes, Fausto Pereira.

doadoresDoadores também permitiu que o número de pessoas nas listas de espera por um órgão para transplante caísse 41,7% em seis anos, de 64.774 em 2008 para 37.736 em 2013.

De acordo com Pereira, também foram importantes para a queda os acordos assinados pelo Ministério da Saúde com as principais companhias aéreas do país e a maior conscientização das famílias sobre o aproveitamento de órgãos de pacientes com morte cerebral diagnosticada.

A legislação brasileira condiciona a retirada e a doação de órgãos de pessoas mortas à autorização da família, mesmo que o doador tenha manifestado sua intenção em vida. A atual taxa de aceitação das famílias a doações é de 55,7% dos casos.

Segundo o ministro da Saúde, Arthur Chioro, essa é a maior porcentagem da América Latina, acima de países como Argentina (52,8%), Uruguai (52,6%) e Chile (51,1%). No entanto, ainda não é capaz de atender as necessidades de transplantes de órgãos do Brasil.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, o país realizou 11.400 transplantes de órgãos no primeiro semestre deste ano, dos quais 6.600 foram de córnea, 3.700 de órgãos sólidos (coração, fígado, rim, pâncreas e pulmão) e 965 de medula óssea.

Em 2013, 23.457 transplantes foram feitos, com um crescimento de 11,5% se comparado a 2010 (21.040).

Os acordos com as companhias aéreas permitiram que o número de voos com transporte de órgãos e tecidos por ano saltasse de 67, em 2000, para 2.568, em 2012. Em 2013, o número chegou a 6.064 voos.


com informações de: Terra

veja também