Conheça as dicas para não errar no clareamento dental

Conheça as dicas para não errar no clareamento dental

Atualizado: Sexta-feira, 28 Março de 2014 as 12:07

Dificil é conquistar um branqueamento usando apenas a pasta de dentes. Para conquistar o sorriso branquinho, é preciso aderia a algumas técnicas, como clareamento artificial. Para acertar no tom certo do dente, é necessário tomar alguns cuidados.

Segundo o dentista Roberto Abdala, pessoas com doenças periodontais não controladas, sensibilidade dentária, raiz exposta e alergia ao produto fazem parte deste grupo. Além disso não é indicado realizar em crianças.
 
clareamento dentalDurante o processo, alguns cuidados devem ser tomados. A ingestão de alimentos com pigmentação e corantes. Café, molho de tomate, shoyo, açaí e suco de uva são alguns exemplos. Mas não pense que ao final do tratamento eles estão liberados.
 
"Após clareamento, o consumo vai refletir diretamente na longevidade do clareamento realizado", diz ele.
 
É importante também escolher o tom dos dentes com ajuda do profissional.  "O tom certo do clareamento é planejado pelo cirurgião dentista levando em conta o tom da pele do paciente e a resposta do dente dele", explica o especialista. Já se os dentes estiverem restaurados, as restaurações deverão ser trocadas.
 
Roberto Abdala afirma que pode ser um perigo fazer o uso contínuo de pasta dentais clareadoras, além de não serem muito eficazes.
 
"Essas pastas costumam ser mais abrasivas, ajudam na manutenção do clareamento, mas o uso contínuo pode remover a parte superficial do dente deixando-o mais sensível", finaliza.
 
 
Com informações de: Surgiu
 

veja também