Conheça os alimentos proibidos para diabéticos

Conheça os alimentos proibidos para diabéticos

Atualizado: Quinta-feira, 13 Março de 2014 as 12:46

Para quem é diabético, deve seguir uma alimentação rigorosa e moderada. A insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas, cuja função é fazer com que o açúcar presente no sangue entre nas células, se transformando em fonte de energia e equilibrando a glicemia. Quando essa secreção deixa de ser produzida ou passa a atuar de forma ineficiente, desenvolve-se a diabetes mellitus.

“A diabetes não tem cura, mas por meio de uma alimentação equilibrada, hábitos de vida saudáveis e pratica de atividade física os pacientes podem ter um ótimo controle glicêmico”, afirma a nutricionista Analuiza Nogueira dos Santos, da Fluyr Saudável – Clínica de Combate à Dor.

Certos alimentos devem passar longe dessas pessoas ou consumidos com moderação. Confira a lista dos alimentos proibidos, segundo o profissional.

Sacarose, mel, melado, rapadura açúcar e açúcar mascavo. Todos eles elevam a glicemia rapidamente, inclusive os mais naturais e saudáveis, como mel e açúcar mascavo.
 
adoçantesAdoçantes à base de frutose, sorbitol e manitol apresentam valor nutricional considerável e podem trazer complicações à doença.
 
Carboidratos refinados, como arroz, pão, biscoitos, bolos e preparações feitas com farinha de trigo refinada apresentam alto índice glicêmico, isso é, elevam rapidamente os níveis de açúcar no sangue. Vale lembrar que o produto final do metabolismo dos carboidratos é a glicose, por isso o consumo deve ser moderado.
 
Refrigerantes, sucos prontos e artificiais também apresentam altas doses de açúcar e elevam a glicemia rapidamente.
 
Geleias contêm altas concentrações de açúcar. Consuma apenas as versões diet.
 
Bolos, sorvetes e pudins são fontes de açúcar e gordura, dois inimigos da diabetes.
 
Alimentos de origem animal (leite, manteiga, carnes) são ricos em gordura saturada aumentam os níveis de colesterol ruim (LDL) no sangue, que sobra na circulação e entope os vasos sanguíneos. “O consumo dessas gorduras deve ser reduzido para diminuir o risco de doença cardiovascular, visto que, o diabetes por si só, já é considerado um fator de risco para essa enfermidade”, explica a nutricionista.
 
A gordura trans age de maneira semelhante à gordura saturada, mas é ainda pior, pois consegue reduzir os níveis de colesterol bom. Ela está presente no sorvete, nos salgadinhos e bolachas recheadas.
 
 
Com informações de: Bolsa de mUlher

veja também