Método odontológico brasileiro promete reduzir 70% da dor no tratamento de cárie

Técnica substitui as brocas por jatos de ar promete reduzir a dor, ser menos agressivo e ainda evitar inflamações nos nervos

fonte: Guiame, com informações de Terra

Atualizado: Sexta-feira, 6 Março de 2015 as 11:19

 Alluminajet é um tratamento menos doloroso na remoção de cárie dental
Alluminajet é um tratamento menos doloroso na remoção de cárie dental

Não há quem goste de ir ao dentista, mas é necessário a visita para prevenção de doenças bucais. O maior motivo de apreensão ao visitar o profissional, são os aparelhos usados para tratar os dentes e a aflição. Para uma forma alternativa menos dolorosa o dentista Izio Mazur, em parceria com técnicos do Laboratório de Robótica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), desenvolveram uma técnica que promete acabar com até 70% do sofrimento na cadeira do dentista. 

Chamado de Alluminajet, o método consiste na substituição de brocas por jatos de ar. “Um equipamento emite um fino jato controlado de cristais (óxido de alumínio) abrasivos que são capazes de perfurar o dente e remover as cáries”, diz Izio. Segundo o especialista, a percepção de dor é reduzida, ou até eliminada em alguns casos, devido ao fato de não haver o zumbido irritante das turbinas de alta rotação, aquecimento, trepidação ou pressão sobre o dente. “Como o equipamento não encosta no elemento dentário a sensação é de apenas um ar batendo no dente”, diz o especialista. 

A alternativa não só reduz a dor, como a suavidade do Alluminajet não permite que ocorra inflamação no nervo dentário. “Além disso, esse método tem uma excelente aceitação das crianças e/ou dos pacientes portadores de fobias à alta-rotação em geral”, diz Izio. Por mais que o foco desse tratamento ser a remoção da cárie, ele também pode realizar outras funções. “Pode ser usado para aumentar a adesão dos materiais restauradores dentais e na limpeza dos dentes em geral”, diz o especialista, que revela ue esse tratamento já é uma realidade no mundo e em alguns consultórios brasileiros. 

Pode descartar a ideia de que as brocas não serão necessárias, para o especialista, elas não estão ameaças.  “Realmente há uma tendência na odontologia em se descobrir novas técnicas que reduzam o atrito e a invasão dental, mas acredito que as brocas serão sempre necessárias, ainda que para outros procedimentos que não sejam a remoção de cáries”, diz o especialista. 

 

veja também