O cardápio recomendado para evitar pedra nos rins

É possível fugir do cálculo renal, comum no verão, através de uma alimentação adequada

fonte: Guiame, com informações de ITodas

Atualizado: Quinta-feira, 12 Março de 2015 as 12:20

Pedra nos rins
Pedra nos rins

Uma má alimentação pode resultar em diversos sintomas, às vezes até mais sérios que necessitem de um procedimento cirúrgico. Tudo o que precisamos, é dar mais atenção ao que comemos, principalmente na estação, onde crises de cálculo renal é mais comum. Para aqueles que já tem o problema, deve se dedicar ainda mais. Além de apostar na água (é recomendado beber pelo menos dois litros diariamente) como a maior aliada, alguns ajustes nos hábitos alimentares podem ser fundamentais para evitar a crise.

As pedras nos rins é uma doença muito comum, causada pela cristalização de sais minerais encontrados na urina. Esse problema se agrava no verão, aumentando a incidência de crises em 30%. Segundo o urologista do Hospital Santa Paula, Dr. Alex Meller, isso acontece porque a estação faz com que se transpire mais, liberando o líquido por vias além da urinária. 

Confira a seguir, as dicas e recomendações para quem possui pedra nos rins.

- Não exagerar no consumo do sal
- Consumir menos alimentos enlatados, comidas prontas, congelados, refrigerantes e embutidos
- Ficar atento ao consumo de alimentos industrializados e ricos em sódio
- Diminuir a ingestão de proteína associada a carnes, tanto vermelhas quanto brancas
- Não exagerar no consumo de cálcio (recomenda-se a ingestão de 1000 mg/dia, o que equivale a duas ou três porções de derivados de leite)
- Evitar o consumo excessivo de derivados de soja, chocolates, espinafre, grãos, chá preto, vitamina C e morango

 

 

 

 

 

veja também