Remédio promete fim da calvície em 5 meses

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Segunda-feira, 18 Agosto de 2014 as 10:01

As pesquisas para achar uma solução para calvície vem sendo realizadas. A mais recente é que um medicamento quando tomado duas vezes ao dia por cinco meses, pode curar quem sofre de calvície provocada por alopecia aerata, uma doença que causa redução parcial ou total dos fios em uma determinada área de pele. As três pessoas que fizeram o testes teve resultado, segundo as informações do jornal Daily Mail.

calvície,tratamento,pesquisaSão afetados 1 em 500 ou 1 em 1 mil britânicos sofram do problema, que é mais comum em jovens entre 15 e 29 anos. A doença é causada por um distúrbio no sistema imunológico, o que faz com que as células destruam os folículos de cabelo.

Essa doença não tem tratamento e, embora o cabelo de alguns pacientes volte a crescer naturalmente, outros permanecem completamente carecas para o resto da vida.

Os responsáveis do Centro Médico da Universidade de Columbia, em Nova York, identificaram exatamente quais as células capazes de destruir a unidade folicular, responsável pelo crescimento dos fios.

Depois disso, realizaram o tratamento para parar a ação dessa célula em camundongos e todos tiveram um resultado positivo.

Em seguida, pesquisadores tentaram o medicamento, chamado ruxolitinib, em três homens com a condição, que já estavam completamente carecas. Todos voltaram a ter cabelo cinco meses depois.

Apesar de ser funcional para a doença, não há nenhuma confirmação de que o medicamento possa curar a calvície por outros fatores, já que essa é uma condição que aparece com a idade, quando o hormônio testosterona faz com que a unidade folicular encolha e pare de funcionar.


com informações de: Terra

veja também