13 lugares para conhecer em 2013

13 lugares para conhecer em 2013

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:09

 

praia bonita
Alguns lugares naturalmente lindos estão se expandindo. Essas áreas ainda não foram totalmente descobertas, mas, com o tempo, estão ganhando investimentos e crescento. O site Lonely Planet listou os dez melhores lugares para serem visitados em 2013. Veja:
 
Córsega, França
Misturando as culturas da Itália e da França, a mediterrânea ilha francesa tem uma beleza incrível. É esta beleza épica combinada com sua topografia desafiadora que faz dela uma escolha espetacular para sediar o centenário histórico das etapas iniciais do Tour de France.
 
Negev, Israel
Por décadas, o Negev foi considerado um deserto desolado. Mas hoje esta região é uma estufa gigante de desenvolvimento. Pense em eco-aldeias, termas e até adegas. Nos próximos anos, um novo aeroporto internacional em Timna será inaugurado, seguido de uma ferrovia de alta velocidade para Eilat, além de mais hotéis. O tempo está se esgotando para quem quer experimentar o deserto apenas com a natureza.
 
Mustang, Nepal
A conclusão de uma estrada ligando Mustang para a China, no norte e no sul do Nepal, vai fazer toda a diferença para essa região remota. Mustang foi apelidada de "Pequeno Tibet" ou "o último reino proibido". Até 1992 ninguém de fora era recebido.
 
Yukon, Canadá
Este deserto vasto e pouco povoado tem uma grandiosidade e beleza que só pode ser devidamente apreciada com uma visita. Mas, enquanto poucos lugares no mundo são tão inalterados ao longo do tempo, a mudança já começou em Yukon. Sua enorme riqueza mineral está atraindo novos moradores. A mudança climática significa que partes do extremo norte estão realmente se dissolvendo no oceano Ártico e os parques de geleiras estão passando por profundas mudanças.
 
Chachapoyas e Kuelap, Peru
Situado no norte dos Andes peruanos, a cidade das montanhas plácidas de Chachapoyas é pequena e tranquila. Mas este encantador centro agrícola, repousa sobre alguns dos países mais incríveis culturamente e naturalmente, incluindo o vale do rio de ruínas pré-incas, o local funerário de Karajía, e uma das mais altas cachoeiras do mundo. O isolamento glorioso não vai durar por muito tempo. Nos últimos anos, o governo peruano foi discretamente pavimentando as estradas e construindo infraestruturas para atrair mais visitantes.
 
Costa do Golfo, EUA
Esta é uma área que se tornou sinônimo de "vazamento de petróleo". Mas muita coisa aconteceu desde que uma operação de perfuração de águas profundas na costa da Louisiana foi fatalmente feita, em 2010. A Costa do Golfo se recuperou. Dunas de areia mais uma vez brilham e viajantes sazonais voltam a desfrutar águas mornas do Golfo, além de verem uma grande variedade de peixes locais.
 
Caríntia, Áustria
Todos encontram muitos motivos para amar Caríntia. Com estações de esqui situadas em cada topo das montanhas, Caríntia é mais conhecida fora da Áustria pelas incríveis pistas. Aproveite para fazer uma visita agora, enquanto ainda reina a paz e a calma. Os alpes estão em alta e o lugar não vai ficar assim para sempre.
 
Palawan, Filipinas
Palawan incorpora milhares de ilhas acidentadas e é cercada por 2 mil km de costa intocada. Até agora, maravilhas naturais só foram descobertas por mochileiros corajosos. Mas isso não vai durar muito tempo. As trilhas estão prestes a serem descobertas, com companhias aéreas regionais fazendo acordos que permitem voos diretos para a região. Isso irá terminar em construções de hotéis.
 
Inland Sea, Japão
Com a exceção de Miyajima, com seu vermelhão frequentemente fotografada, a maioria das ilhas desse mar não está na lista de alvos de costume turístico internacional. Justo, há tanta coisa para fazer em Tóquio. Mas aqueles que fazem o esforço um recompensado. Muitas das ilhas em cerca de 400 km dessa hidrovia oferecem a oportunidade de experimentar um Japão sem sinos, apitos e trens-bala.
 
Campania, Itália
Campania é o lar do trecho mais sumptuoso da costa da Itália, uma das mais alucinantes cidades, em Nápoles, e com beleza ameaçadora do Monte Vesúvio. Este ano ele está recebendo uma injeção enorme de dinheiro como parte de seu papel na hospedagem do quarto Fórum da Universal Forum of Cultures, de abril a julho. Os eventos incluem exposições de arte de todos os cinco continentes, música, cinema, dança, artistas de rua, teatro, circo, mercados de alimentos e oficinas.
 
Siga-nos

Mais do Guiame