Pastor morre após ser atropelado e arrastado, na saída de igreja nos EUA

Pastor Eliezer Leon, de 57 anos de idade, foi atropelado e arrastado por seis metros, enquanto tentava entrar no seu furgão, após ter pregado em um culto para dependentes químicos, na Pensilvânia (EUA).

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Quinta-feira, 2 Junho de 2016 as 4

O furgão do pastor Leon teve sua porta arrancada após ser atingido pelo carro que o atropelou. (Foto: ABC)
O furgão do pastor Leon teve sua porta arrancada após ser atingido pelo carro que o atropelou. (Foto: ABC)

Amigos e familiares do Pastor Eliezer Leon, de 57 anos de idade, da Pensilvania, Estados Unidos, estão em luto depois que ele foi arrastado até a morte em um acidente chocante, logo depois de ter pregado em uma igreja local.

De acordo com, o programa 'Action News 6', da emissora 'ABC', Leon, que é um pastor da Igreja hispana, Estanque de Siloé, em Germantown, foi atropelado por um motorista no fim da noite da quinta-feira passada, momentos depois que saiu de um estudo bíblico com internos da Casa de Recuperação 'Soldados do Senhor'.

A polícia disse que o pastor foi arrastado por cerca de seis metros na rua 'North Front', depois que ele foi atingido por um veículo por volta das 22h.

Leon tinha acabado de pregar em uma igreja nas proximidades, onde o Pastor Teófilo Claudio é o pastor principal.

"Ele estava pregando. Ele ministrou uma grande mensagem ontem à noite. Depois que terminou ... ele levou os meninos para a casa (North Front Street)", disse Claudio à emissora de notícias local ABC.

Claudio disse à CBS que cerca de 10 minutos após Leon ter saído da igreja para deixar os homens na casa de recuperação, recebeu um telefonema que tinha acontecido um acidente na rua.

"Eu saí, vi aquele homem deitado ali e o reconheci. Aquele era Eliezer Leon. Então eu disse: 'Oh meu Deus'. Eu fiquei em estado de choque", disse Claudio.

Segundo a polícia, Leon estava tentando entrar em seu furgão branco quando um motorista que estava passando pela rua o atingiu com tanta força que arrancou a porta do carro do pastor e o arrastou por cerca de 6 metros, sem parar para ver o que aconteceu.

"Eu vi que as pessoas tentavam ajudar aquele senhor que estava no chão, mas todo mundo estava nervoso", disse a testemunha, Virginia Cartagena à CBS.

Leon chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital da Universidade de Temple. A polícia e a família do pastor agora estão pedindo ao motorista do que o atropelou, faça a coisa certa e se entregue.

"A realidade é que hoje, com a tecnologia avançada em termos de facilidade de se registrar vídeos, fugir dessa forma já não é mais a coisa mais inteligente a se fazer", disse John Stanford, do Departamento de Polícia da Filadélfia.

Os investigadores recuperaram uma peça com um logotipo do carro de modelo 'Saab', que ficou cena do acidente. A polícia também divulgou uma descrição do veículo que atropelou Leon. Eles estão à procura de um carro de cor preta 2003-2007, modelo Saab. O carro ainda pode estar com a parte dianteira danificada do lado do passageiro e na borda do pára-brisa dianteiro.

"Você tirou a vida de um homem bom, e você agora você precisa assumir o que você fez", disse William Leon, irmão do pastor, em um recado ao responsável pela morte do pastor.

"Ele era um homem especial e um crente que amava as pessoas. Ele amava o Evangelho e ele gostava de servir. Ele nunca discriminou contra ninguém, e ele foi sempre alguém para se envolver em quaisquer atividades", disse ele.

Manuel Colon, amigo de Leon concordou, dizendo: "Ele era humilde, ele sempre nos encorajou a ficar longe das drogas".

 

 

veja também