Cantora Alda Célia lança música gravada com mais de 40 participações; Ouça

Ela comenta que foi uma estratégia divina reunir tantas vozes. “Reunir em um projeto, em tempo record, tantas vozes com autoridade no mundo espiritual é algo sobrenatural".

fonte: Guiame, com informações da assessoria

Atualizado: Segunda-feira, 25 Abril de 2016 as 1:26

A cantora comenta que o Brasil pode ser governado por Deus. (Foto: Divulgação).
A cantora comenta que o Brasil pode ser governado por Deus. (Foto: Divulgação).

A cantora Alda Célia lançou uma canção gravada por mais de 40 cantores. Intitulada “Teu Reino Entre Nós”, a música “expressa o clamor da nação: Venha o teu reino entre nós", diz Alda no site especial. “Mais do que simplesmente música, são vozes de um povo de fé, clamando pelo Brasil, aclamando a Jesus como Rei e proclamando seu reino sobre a nossa terra, em diversas esferas de atuação”, complementou.

Ela comenta que foi uma estratégia divina reunir tantas vozes. “Reunir em um projeto, em tempo record, tantas vozes com autoridade no mundo espiritual é algo sobrenatural. Algo sem precedentes! A benção e a vida são promessas de Deus, que se manifestam no mundo visível quando os irmãos estão unidos”, relata.

“Uma das grandes chaves para se transformar uma sociedade é a unidade. Desde agosto do ano passado, quando nossa amada Ana Paula Valadão Bessa reuniu vários líderes de louvor em uma mesa redonda, o som da unidade começou a ecoar. A partir daí um grupo de WhatsApp foi formado. Também foi dela a iniciativa de um relógio de oração pelo Brasil”, continuou.

Alda Célia comenta sobre o avivamento no Brasil e ainda conta como nasceu a canção. “Somos todos muito gratos a Deus por esse movimento que tem unido diferentes gerações de músicos adoradores! Cremos que um grande avivamento vai acontecer no Brasil e através do Brasil! A canção #TeuReinoEntreNos nasceu em minha casa, enquanto orava pelo Brasil no meu turno do relógio de oração, no dia 18/03/2016, e veio praticamente pronta”, disse.

“Comecei a ministrar um cântico espontâneo, e de repente, lá estava ela! No dia seguinte, compartilhei com o grupo e com alguns amigos. Qual foi a minha surpresa quando vários deles sugeriram que gravássemos juntos! Algo que já estava em meu coração, mas eu nunca imaginei uma resposta tão surpreendente! Ao ouvir a canção, o produtor Rogerio Vieira se prontificou a fazer o arranjo. Mas como reunir os adoradores?”, questionou.

Um desafio

A pastora revela que a canção foi gravada em vários estúdios e depois unida em uma mizagem. “Sentindo a urgência do momento, não poderíamos esperar uma agenda coletiva. Começamos a orar e o Pai nos deu a estratégia de gravar em vários estúdios e reunir tudo em uma mix superpoderosa. Sem duvida, estamos sendo regidos pelo Espírito Santo, Maestro do Universo! Tem sido maravilhoso ver a disposição de se doar em favor da edificação do Reino de Deus em nosso meio!”, pontuou.

“Foram mais de 40 cantores, em 7 estúdios diferentes! Isso aconteceu porque temos consciência do tempo profético em que estamos vivendo! Precisamos trazer o céu à terra! Sabemos que o louvor abre os portais eternos, onde o Rei da glória entra e estabelece seu governo! Adoração é o ambiente onde o trono se Deus se estabelece. Trono fala de justiça, de paz, de misericórdia!” ressaltou.

Por um Brasil melhor

A cantora comenta que o Brasil pode ser governado por Deus. “Nossa nação precisa ser entregue nas mãos do Rei, para que o seu governo de justiça, amor e paz se estabeleça entre nós. O Reino é isso! Semeando louvor, colhendo justiça! Jesus disse: o Reino de Deus está entre vos! Isso fala da nossa responsabilidade, de nos relacionarmos um com o outro, andando em unidade, para expressar a cultura do Reino, de amar e honrar um ao outro”.

“Somos como rios que se convergem, das diferentes regiões do Brasil, em uma confluência de adoradores! Ao levantarmos juntos nossas vozes a Deus em louvor, formamos o rio que leva consigo o poder do trono e vai sarando por onde passar! Que estas águas possam sarar nossa terra que tem sido ferida e exposta a tanta vergonha”.

Ouça a canção

veja também