AD desenvolve trabalho social e evangelístico nos EUA

AD desenvolve trabalho social e evangelístico nos EUA

Atualizado: Segunda-feira, 11 Outubro de 2010 as 10:25

A Assembleia de Deus em Kentucky (EUA) realiza um trabalho de evangelismo e ação social com os moradores de uma comunidade de baixa renda, conhecidos como Portland. Equipes se dividem em oração, caminhadas, visita regularmente uma loja de bebidas para compartilhar das Sagradas Escrituras com clientes e realizar estudos bíblicos domiciliares.

A missão realizou também distribuição de roupas, comida e ajudou a patrocinar clínicas médicas gratuitas. "Nosso foco é fazer o nosso melhor", disse Dave Heigl, pastor da igreja em Jeffersontown suburbana em Kentucky.

O líder Jared Miller, 24 anos, que trabalha num apartamento de propriedade da Igreja, diz que a oração conduzida pelo Espírito é a chave. “Equipes pedem a Deus conhecimento e para mostrar as situações específicas que irão encontrar no trabalho missionário”, conta.

Miller estima que cerca de 100 pessoas foram curadas nos últimos anos, de problemas como dores nas costas, de ouvido e depressão. Além de entrar no bairro com a oração e Bíblia, eles tentam se aproximar de outras igrejas para melhorar o trabalho. O estudante da Escola da Bíblia, Michael Barger faz parte da equipe do ministério em uma área da igreja Batista do Sul. Ele afirma que Deus tem ajudado muitas pessoas. "É mais poderoso do que qualquer coisa que eu já vi. Muitas vezes, quando alguém nos pede oração, Deus nos dá a oportunidade de compartilhar o evangelho".

Larry Stoess, um pastor metodista que já dirigiu o Centro Portland há 15 anos, disse que esse trabalho é mais um sinal de que Deus quer alcançar o coração das pessoas nessa área problemática.

Miller e sua esposa, Brianne, estão entre os vários casais jovens que se mudaram para o bairro. "Estamos orando para a liderança cristã há algum tempo e estamos começando a ver que elas estão surgindo".

O projeto recebeu um impulso a partir de uma série de doações. Desde 2007, dois homens doaram cinco casas, que se tornaram abrigo a várias pessoas.

"Nunca tinha experimentado a oração espontânea e arrependida em um círculo de oração improvisado. Eu estava vislumbrado. Acreditamos que o domingo de manhã é o dia mais importante para nossos visinhos, pois é neste dia que ele recebem a palavra de Deus”, conlui.

veja também