MENU

Bolsa de Tóquio dispara, mas investidor segue atento à crise

Bolsa de Tóquio dispara, mas investidor segue atento à crise

Atualizado: Quarta-feira, 16 Março de 2011 as 8:25

As bolsas de valores da Ásia avançaram nesta quarta-feira (16), com o mercado em Tóquio registrando alta de 5,68% depois de dois dias de fortes perdas disparadas pelo terremoto e pela crise nuclear que o seguiu.

Outros mercados asiáticos também subiram, mas um novo incêndio na usina nuclear de Daiichi em Fukushima, ao norte de Tóquio, e temores de mais vazamentos de radiação mantiveram investidores tensos e as ações em Tóquio apresentaram volatilidade.

"O mercado em geral entende que as ações no Japão estavam excessivamente baratas, mas a incerteza sobre a usinas de Fukushima está claramente deixando os participantes do mercado nervosos", disse Kazuhiro Takahashi, gerente geral na Daiwa Securities Capital Markets.

As bolsas da Ásia também receberam impulso de ações nos Estados Unidos, que fecharam em baixa, mas distantes de patamares mínimos. O Federal Reserve manteve sua política monetária frouxa e afirmou que a economia norte-americana está ganhando ritmo.

Os ganhos em Tóquio foram liderados por cobertura de posições curtas de fundos de hedge, disseram analistas, acrescentando que o mercado continua extremamente volátil.

"A retomada é muito forte depois que os investidores perceberam que podem ter entrado em pânico um pouco demais", disse Fujio Ando, diretor na Chibagin Asset Management.

"Mas a maior parte do movimento é de cobertura de posições por investidores japoneses e internacionais e não compras ativas, para ser sincero, porque as preocupações sobre a crise nuclear ainda são grandes. Se ouvirmos qualquer coisa sobre uma melhora na situação, os investidores vão agressivamente voltar às compras no Nikkei', acrescentou.

A bolsa de Tóquio disparou 5,68% e fechou acima do nível psicológico de 9.000 pontos, aos 9.093,72 pontos.

Em Xangai , a bolsa subiu 1,19%, para 2.930 pontos. Hong Kong se valorizou em 0,10%, Seul avançou 1,77% e Taiwan teve alta de 1,09%. Cingapura encerrou com ganho de 0,85% e Sydney subiu 0,65%.

veja também