MENU

O sentido do Gólgota

O sentido do Gólgota

Atualizado: Terça-feira, 10 Dezembro de 2013 as 8:33

cruz de CristoQuem entregaria um filho para morrer por assassinos, corruptos, ladrões, mentirosos e tantos outros? A Bíblia nos disse que Deus fez isso.
 
O amor de Deus por nós é maior que o Seu amor por si mesmo. Ele jamais nos pediria algo que Ele mesmo não tivesse sido o primeiro a dar como exemplo.
 
Quando nos lembramos da história da Abraão e Isaque no Monte Moriá, logo nos perguntamos como é possível um Deus que é chamado de Deus de amor pedir a um pai que sacrifique seu próprio filho em um altar. Isso não faz sentido! Contudo Deus sacrificou o próprio filho no altar da cruz por amor a mim e a você.
Existe uma co-relação entre Moriá e Gólgota. No Moriá o filho foi levado para ser sacrificado, mas quem morreu foi um cordeiro. No Gólgota o Cordeiro foi levado para o sacrifício, mas quem morreu foi o Filho. 
 
O Deus que nos ama tanto, preferiu entregar seu único filho a cobrar o filho de um pai.
 
Você consegue imaginar amor maior?
 
Hoje Ele preparou o dia para você. Com surpresas agradáveis e também com dificuldades para te fazer crescer. Ele cuidou do sol e da chuva para alegrarem o seu dia. Fez o vento para acariciar o seu rosto e quando você for dormir Ele não dorme e ainda te protege durante o sono. Você consegue imaginar amor maior?
 
Gostaria de te convidar a pensar em Moriá e no Gólgota. Gostaria de te incentivar a fazer desse dia um dia de agradecimentos por tudo que Ele fez por você. Não peça, agradeça!
 
 
Com Carinho
- Pr. Felipe Heiderich

veja também