Procura-se esperança

Procura-se esperança

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:23

Talvez o que as pessoas mais procurem hoje é esperança. Esperança de que o mundo seja outro, de que a vida mude, de que quem está doente melhore, de alcançar os sonhos, de que tudo seja diferente. Então saímos à procura da esperança, segurando nos braços o que ainda temos dela.

Quem será que não conhece aquela frase: ''A esperança é a última que morre''? Pois é, mas para muitos ela não morre, não acaba. Para outros ela já se foi, já está morta há muito tempo. Não importa o que aconteceu na vida de cada um, o fato é que alguma coisa aconteceu para que cada um acabe com uma crença, ou seja, tendo ou não esperança. A verdade é que as tragédias das nossas vidas fazem com que afrouxemos os braços deixando um pouco de esperança fugir de pouquinho em pouquinho; até que estejamos procurando esperança também.

A vida de muitos pode estar acabando, sendo destruída pela falta de esperança, talvez esteja afundando em tristeza; a de outros pode estar mergulhada em esperanças que acabam virando falsas expectativas que não os deixam mais viver.

Quem sabe não está na hora de lembrarmos agora e não esquecermos mais uma esperança sem fim, uma que vai dar um jeito nas outras. O mundo provavelmente vai continuar assim, mas Jesus vai voltar; talvez nossa vida não mude agora, mas ela pode ser eterna depois; quem está doente pode não melhorar, mas depois não terão mais doentes; podemos não alcançar nossos sonhos aqui, mas iremos experimentar sonhos muito maiores; pode ser que nada seja diferente nesse lugar onde estamos, mas depois nada vai ser igual.

Vamos segurar nossa esperança, mesmo que ela somente um pinguinho. Pois podemos alcançar um mar de felicidade.

Mariana Longo Mendes   tem 16 anos, é estudante, trabalha com seus pais na área de Propaganda e Marketing e também escreve poesias.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições