MENU

O Seu Melhor

O Seu Melhor

Atualizado: Sexta-feira, 1 Julho de 2011 as 11:09

Você já ganhou um presente com defeito? Já sentiu o gosto amargo de receber um “presente de grego”? ou seja, uma maravilhosa oferta que traz consigo um problemão. Imagine alguém que ganhou uma prancha crendo que se tratava de um presentão e descobre que era a pior e mais barata opção de seu amigo. Apesar de muitos acreditarem que “de graça até injeção na testa” é muito bom saber que recebemos algo bom, o melhor de alguém querido.

Lembro-me de quando me envolvi numa campanha de arrecadação de roupas para a comunidade carente a qual eu morava. Alegrei-me ao saber que muitas pessoas se importaram em doar suas roupas. Contudo, fiquei muito desapontado ao ver que boa parte das doações eram verdadeiros “panos de chão”, roupas sem condições de uso. O pior de tudo não se tratou do desconforto das pessoas necessitadas ao ver o “lixo” que foi “doado”, o pior de tudo foi que a fonte de onde procedeu essa “doação”, era composta por pessoas de classe média e média alta.

Será que doar é o suficiente? Claro que não! Devemos doar nosso melhor e termos o sentimento de estarmos oferecendo aquilo que gostaríamos de receber.

Em relação a Deus, recebemos o melhor, muito embora o ser humano se encarregue de corromper e estragar toda festa.  Recebemos 24 horas de oxigênio de graça (mas como se não fosse o suficiente muitos se viciam e precisam do maldito gás carbônico em seus pulmões), recebemos sol e chuva (mas o homem polui, destrói e colhe o aquecimento global e suas conseqüências).  Recebemos um corpo, dons e talentos (mas usamos de maneira equivocada e adoecemos seriamente e herdamos anomalias). Já pensou nisso tudo?

Bem, chegou a hora de fazermos algo em relação às nossas motivações, atitudes e doações. É hora de fazer o bem, dar nosso melhor a Deus em primeiro lugar e consequentemente ao nosso próximo, pois estas relações estão extremamente ligadas.

Vejamos as orientações de Jesus cristo contidas na Palavra de Deus, no nosso manual do fabricante em Lucas 21:1-4 “Estando Jesus a observar, viu os ricos lançarem suas ofertas no gazofilácio. Viu também certa viúva pobre lançar ali duas pequenas moedas; e disse: Verdadeiramente, vos digo que esta viúva pobre deu mais do que todos. Porque todos estes deram como oferta daquilo que lhes sobrava; esta, porém, da sua pobreza deu tudo o que possuía, todo o seu sustento.”

Aquelas moedas representam muito mais que uma oferta em dinheiro. Deus deseja muito mais que nossas “moedas”, Ele deseja nosso coração! E ai? O que temos oferecido ao Senhor do universo e ao nosso próximo? O resto ou nosso melhor?

Pense nisso: “Se alguém disser: Amo a Deus, e odiar a seu irmão, é mentiroso; pois aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê. Ora, temos, da parte dele, este mandamento: que aquele que ama a Deus ame também a seu irmão.” 1 João 4:21-21

“Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam, assim fazei-o vós também a eles; porque esta é a Lei e os Profetas.” Mateus 6:12

Marquito Santos   é formado em teologia pelo Seminário Presbiteriano do Norte, membro da Missão Surfistas de Cristo no Brasil, da Missão Internacional de Surfistas de Cristo, pastor e professor dos jovens da Igreja Presbiteriana de Fortaleza, além de escrever para o site EmFocoSurf.com.br Contatos / sites de Marquito Santos:

www.familiasantosmission.blogspot.com

www.missaosurfistasdecristo.com.br

veja também